Intel relatou prejuízo líquido de US$ 454 milhões no segundo trimestre

LinkedIn

As ações da Intel (NASDAQ:INTC) caíram mais de 10% em negociações estendidas na quinta-feira (28), depois que a fabricante de chips divulgou resultados do segundo trimestre e orientações trimestrais e anuais que ficaram abaixo das expectativas dos analistas.

A Intel também é negociada na B3 através do ticker (BOV:ITLC34).

Resultados:

  • Lucro por ação: 29 centavos por ação, ajustado, contra 70 centavos por ação, conforme esperado pelos analistas, de acordo com a Refinitiv.
  • Receita: US$ 15,32 bilhões, contra US$ 17,92 bilhões, conforme esperado pelos analistas, de acordo com a Refinitiv.

A receita da Intel caiu cerca de 22% ano a ano no trimestre encerrado em 2 de julho, de acordo com um comunicado. A empresa encerrou o trimestre com um prejuízo líquido de US$ 454 milhões, em comparação com US$ 5 bilhões em lucro no mesmo trimestre do ano passado. A margem bruta caiu para 36,5% de 50,4% no trimestre anterior.

“Os resultados deste trimestre ficaram abaixo dos padrões que estabelecemos para a empresa e nossos acionistas”, disse o CEO Pat Gelsinger, segundo o comunicado. “Devemos e vamos fazer melhor. O declínio repentino e rápido da atividade econômica foi o maior impulsionador, mas o déficit também reflete nossos próprios problemas de execução.”

Com relação à orientação, a Intel pediu 35 centavos em lucro ajustado por ação sobre US$ 15 bilhões a US$ 16 bilhões em receita. Analistas consultados pela Refinitiv esperavam 86 centavos de lucro ajustado por ação sobre US$ 18,62 bilhões em receita.

A Intel reduziu suas expectativas para o ano inteiro. A empresa disse que agora vê lucro ajustado para o ano inteiro de US$ 2,30 por ação e receita de US$ 65 bilhões a US$ 68 bilhões. A orientação de três meses atrás era de US$ 3,60 em lucro ajustado por ação sobre US$ 76,0 bilhões em receita. Analistas consultados pela Refinitiv esperavam US$ 3,42 por ação em lucros e US$ 74,34 bilhões em receita.

Durante o segundo trimestre, o Client Computing Group da Intel, que inclui chips para PC, gerou US$ 7,7 bilhões em receita, queda de 25% e consideravelmente menos do que a estimativa de consenso de US$ 8,89 bilhões entre os analistas consultados pela StreetAccount. No início deste mês, o Gartner, pesquisador do setor de tecnologia,  disse que as  remessas de PCs caíram quase 13% durante o trimestre. Em uma apresentação aos investidores, a Intel sinalizou a “suavização” da demanda por PCs nos mercados de consumo e educação e disse que os custos unitários mais altos reduziram a receita operacional do segmento.

O segmento de Datacenter e IA recentemente estabelecido da Intel, incluindo chips de servidor, aceleradores, memória e matrizes de portas programáveis ​​em campo, contribuiu com US$ 4,6 bilhões em receita, que caiu 16%, ficando atrás do consenso StreetAccount de US$ 6,19 bilhões. A pressão competitiva prejudicou a receita da unidade, disse a Intel.

O novo segmento de rede e borda da Intel, que abriga os produtos de rede da empresa, gerou US$ 2,3 bilhões em receita, um aumento de 11% e pouco superior ao consenso de US$ 2,27 bilhões da StreetAccount.

Durante o trimestre, a Intel lançou os chips de treinamento de inteligência artificial Habani Gaudi2 que competem com as placas gráficas A100 da Nvidia. E a Intel pediu ao Congresso que avance com a legislação federal para apoiar a fabricação de semicondutores nos EUA, para que possa prosseguir com uma fábrica em Ohio. Na terça-feira, a Câmara dos EUA aprovou o Chips and Science Act, enviando o projeto de lei ao presidente Joe Biden.

Excluindo o movimento after-hours, as ações da Intel caíram cerca de 23% até agora em 2022, enquanto o índice S&P 500 caiu menos de 15% no mesmo período.

Os executivos discutirão os resultados com analistas em uma teleconferência a partir das 18h (horário de Brasília).

Com informações de CNBC

Deixe um comentário