Mercados seguem sobre o fio da navalha depois do Payrolls muito acima do esperado

LinkedIn

ÁSIA: As bolsas asiáticas negociaram majoritariamente em alta nesta segunda-feira, após os EUA divulgar na sexta-feira que os EUA criaram 528.000 postos de trabalho urbanos, muito acima das expectativas.

Os mercados da China continental fecharam positivos. O Shanghai Composite ganhou 0,31%, para 3.236,93 pontos e o Shenzhen Component subiu 0,27%, para 12.302,15 pontos. No fim de semana, a China divulgou que as exportações nominadas em dólar em julho cresceram 18% em comparação com um ano atrás, o ritmo mais rápido de crescimento este ano e superou as expectativas dos analistas de um aumento de 15%, informou a Reuters. As importações da China nominadas em dólar aumentaram 2,3% em julho em relação ao mesmo período de 2021, abaixo do ganho esperado de 3,7%.

O Nikkei do Japão subiu 0,26%, para 28.249,24 pontos. As ações do SoftBank subiram 0,74% antes do anúncio de resultados de segunda-feira, onde o Vision Fund da empresa de tecnologia registrou uma perda de 2,93 trilhões de ienes japoneses (US$ 21,68 bilhões) no trimestre de junho. O prejuízo líquido geral da gigante de tecnologia no trimestre foi de 3,16 trilhões de ienes, em comparação com um lucro de 761,5 bilhões de ienes um ano atrás.

O Kospi da Coreia do Sul fechou em ligeira alta de 0,09%, em 2.493,1 pontos. A fabricante de chips SK Hynix caiu 2,23%, depois que o Korea Herald informou que a cidade sul-coreana de Yeoju, quer mais compensação em troca de permitir que a empresa construa tubos para transportar grandes quantidades de água para sua fábrica em outra cidade.

Na Austrália, o S&P/ASX 200 fechou em alta de 0,07%, em 7.020,60 pontos, com o setor de energia liderando os ganhos, enquanto ações do setor de materiais e serviços públicos também registraram ganhos. Fortescue avançou 4,5%, para uma alta de oito semanas, a Rio Tinto avançou 2,1% e a BHP subiu 0,5%, depois que sua oferta de US$ 8,4 bilhões pela Oz Metals foi rejeitada. A Oz Metals disparou 35,25%, depois que o conselho rejeitou a oferta de aquisição da BHP.

O índice Hang Seng encerrou a sessão com queda de 0,77%, em 20.045,77 pontos. Alibaba caiu 4,41% e o JD.com caiu 3,26%. A companhia aérea Cathay Pacific de Hong Kong saltou 1,42% depois que as autoridades da ilha anunciaram que a quarentena em hotéis para passageiros seria reduzida de sete dias para três dias, embora houvesse um período de vigilância de quatro dias após a quarentena.

EUROPA: Os mercados europeus avançam nesta segunda-feira, com os investidores continuando a monitorar os lucros corporativos e dados econômicos importantes e avaliando o risco de recessão.

O índice pan-europeu Stoxx 600 sobe 0,80% no meio da manhã, após encerrar a sessão de sexta-feira em queda de cerca de 0,80%, depois do inesperado relatório de empregos nos EUA reduzir as expectativas de uma recessão, aumentando a probabilidade do Federal Reserve apertar a política monetária de forma mais agressiva para reduzir a inflação.

O alemão DAX 30 sobe 0,60%, o francês CAC 40 avança 0,90% e o FTSE MIB da Itália adiciona 0,40%.

Na Península Ibérica, o IBEX 35 da Espanha sobe 0,79% e o português PSI 20 sobe 0,55%.

Em Londres, o FTSE 100 sobe 0,51%. Entre as mineradoras listadas na LSE, Anglo American sobe 1,2%, Antofagasta adiciona 1,9%, Rio Tinto sobe 0,5%, enquanto BHP cai 0,8%. A petrolífera British Petroleum sobe 0,5%.

Entre os dados econômicos divulgados na Europa, o índice de sentimento econômico Sentix de agosto para a zona do euro subiu um pouco em relação ao mês anterior, mas ainda apontou para uma alta probabilidade de recessão em todo o bloco de 19 membros da moeda comum.

EUA: Os futuros doa índices de ações dos EUA sobem na manhã de segunda-feira, após o terceiro ganho semanal consecutivo de Wall Street, com o relatório mensal de empregos surpreendentemente forte consolidando a afirmação de que os EUA não estão atualmente em recessão e que a economia poderia suportar mais aumentos de juros do Federal Reserve.

Na sexta-feira, Wall Street fechou majoritariamente em baixa, depois que a leitura do relatório de empregos dos EUA para julho veio muito mais forte do que o esperado. Os EUA adicionaram 528 mil empregos em julho, mais que o dobro das estimativas de 258.000, enquanto a taxa de desemprego caiu para 3,5%, melhor do que as estimativas de 3,6%. O Dow Jones subiu 0,23%, para 32.803,47 pontos, enquanto S&P500 e o Nasdaq Composite recuaram 0,16% e 0,50% respectivamente, para 4.145,19 e 12.657,55 pontos. Apesar das perdas de sexta-feira, o S&P 500 e o Nasdaq subiram por três semanas seguidas.

Os rendimentos do Tesouro dos EUA caiam na madrugada desta segunda-feira, reflexo dos dados inesperadamente robustos de empregos aumentaram a probabilidade de aumentos agressivos de juros pelo Federal Reserve. O rendimento do título do Tesouro de 10 anos de referência caia 4 pontos base para cerca de 2,7993%, enquanto o rendimento do título do Tesouro de 30 anos caia 2 pontos base para 3,0383%. Os rendimentos movem-se inversamente aos preços e um ponto base é igual a 0,01%.

Não está prevista a divulgação de dados econômicos.

Nesta semana, o foco dos investidores muda para um importante relatório de inflação, o índice de preços ao consumidor, que será divulgado na quarta-feira, números que dará ao banco central subsídios para a sua reunião de política monetária em setembro. O CPI principal, que inclui energia e alimentos, deve reduzir a sua alta para 8,7% em julho, ante 9,1% em junho, a leitura mais alta em 40 anos.

Os investidores debatem o quão agressivo o Federal Reserve terá que ser em seu esforço para esfriar a inflação historicamente alta. Analistas esperam que o FED considere um aumento de taxa de 75 pontos base em sua próxima reunião para trazer a inflação crescente para baixo de sua meta, o que seria o terceiro aumento consecutivo dessa magnitude.

CRIPTOMOEDAS: Os mercados de criptomoedas ganham força e operam com ganhos substanciais nesta semana, após quedas vistos na sexta-feira.

O Bitcoin conseguiu sustentar a marca dos US $ 23 mil no fim de semana, depois da divulgação do relatório de emprego nos Estados Unidos mais forte que o esperado na sexta. Nesta segunda-feira, o maior criptoativo tenta se sustentar acima dos US$ 24.000.

Notícias positivas do setor também sustentam o otimismo no setor. Brevan Howard, uma administradora de fundos de hedge europeia com sede em Jersey, anunciou o lançamento de um fundo de hedge baseado em criptomoedas de mais de US $ 1 bilhão em ativos sob a sua gestão, ao passo que a BlackRock anunciou uma parceria com a exchange Coinbase, passando a disponibilizar criptomoedas para seus investidores institucionais.

Bitcoin: +4,88%, em US $ 24.100,70
Ethereum: +5,25%, em US $ 1.772,70
Cardano: +5,45%
Solana: +6,61%
Dogecoin: +3,59%
Terra Classic: 1,93%

ÍNDICES FUTUROS – 7h45:
Dow: +0,43%
SP500: +0,51%
NASDAQ: +0,69%

COMMODITIES:
MinFe Dailan: +4,31%
Brent: -1,07%
WTI: -1,11%
Soja: -0,04%
Ouro: +0,22%

OBSERVAÇÃO: Este material é um trabalho voluntário, independente, resultado da compilação de dados divulgados em diversos sites da internet que são aqui resumidos de maneira didática para facilitar e agilizar a compreensão do leitor. O texto da sessão asiática está no tempo passado, enquanto a europeia e a americana estão no presente devido ao horário em que este relatório é redigido. Atentem-se para o horário de disponibilização dos dados. O texto não é indicação de compra, manutenção ou venda de ativos.

Deixe um comentário