ADVFN Logo

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Registration Strip Icon for default Cadastre-se gratuitamente para obter cotações em tempo real, gráficos interativos, fluxo de opções ao vivo e muito mais.

PMI de serviços ISM dos EUA desacelera em maio

LinkedIn

O crescimento do setor de serviços dos Estados Unidos perdeu força em maio com a desaceleração de novos pedidos, levando uma medida dos preços pagos pelas empresas por insumos a uma mínima de três anos, o que pode ajudar o Federal Reserve na luta contra a inflação.

O Instituto de Gestão de Fornecimento (ISM) disse nesta segunda-feira que seu PMI não manufatureiro caiu para 50,3 no mês passado, de 51,9 em abril.

Leitura acima de 50 indica crescimento no setor de serviços, que responde por mais de dois terços da economia. Economistas consultados pela Reuters previam que o PMI não manufatureiro subiria para 52,2.

Embora o PMI permaneça acima do nível de 49,9, que o ISM diz ao longo do tempo indicar crescimento na economia como um todo, a desaceleração do mês passado aumentou os riscos de uma recessão. O ISM informou na semana passada que seu PMI industrial ficou abaixo da marca de 50 em maio pelo sétimo mês consecutivo, o período mais longo desde a Grande Recessão.

O setor de serviços se beneficiou da mudança dos gastos dos consumidores de bens para serviços. Mas, após 500 pontos-base de aumentos na taxa de juros pelo banco central dos EUA desde março de 2022, os consumidores podem estar se concentrando mais nas necessidades básicas.

Uma medida de novos pedidos recebidos por empresas de serviços caiu para 52,9 no mês passado, de 56,1 em abril. Com o arrefecimento da demanda, a inflação de serviços também desacelerou. Esta é uma boa notícia para as autoridades do Fed, que estão tentando reduzir a inflação para sua meta de 2%.

O setor de serviços está no centro da batalha contra a inflação, já que os preços dos serviços tendem a ser mais persistentes e menos responsivos a aumentos de juros. Um indicador de preços pagos pelas empresas de serviços por insumos caiu para 56,2, o nível mais baixo desde maio de 2020, de 59,6 em abril.

Alguns economistas veem o indicador do ISM de preços pagos de serviços como um bom indicador do índice de inflação PCE. O Fed acompanha o PCE para as decisões de política monetária. Os mercados financeiros veem uma chance de 70% de o Fed manter sua taxa de juros na reunião de 13 a 14 de junho, de acordo com a Ferramenta FedWatch do CME Group.

(Reportagem da reuters de Lucia Mutikani)

Deixe um comentário

Ao acessar os serviços da ADVFN você estará de acordo com os Termos e Condições

Support: (11) 4950 5808 | suporte@advfn.com.br