Mercado Bovespa em 24 de Abril de 2014

O principal índice da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou em alta de 0,48% nesta quinta-feira, cotado aos 51.817,45 pontos, após um dia bastante instável. 

Ibovespa (IBOV) FEC ABE VAR MAX MIN
24/04/14 51.817,45 51.569,69 +0,48%
 51.963,17 51.237,58

A alta foi puxada, principalmente, pelo bom desempenho das ações da Vale e dos bancos Bradesco e Itaú Unibanco, que têm grande peso sobre o Ibovespa. Na véspera, a mineradora e os bancos tinham influenciado a queda da Bovespa. 

O dia também foi marcado pela divulgação de diversos balanços de empresas negociadas no Mercado Bovespa com os resultados financeiros do primeiro trimestre de 2014.

Publicidade

Abertura do Mercado Bovespa

O Índice Bovespa, principal indicador do mercado de ações da Bolsa de Valores de São Paulo, abriu a sessão de negociação desta quinta-feira praticamente estável, sendo cotado em 51.569,69 pontos.

No último pregão, o Índice Ibovespa fechou cotado em 51.569,69 pontos.

Após abrir em leve alta, o mercado acionário brasileiro passou a operar com instabilidade, reagindo à divulgação de uma série de balanços corporativos.

Maiores Altas

A companhia aérea Gol (GOLL4) liderou as altas da Bolsa, com ganhos de 6,25%, a R$ 13,09.

A construtora e incorporadora  Rossi (RSID3) teve o segundo maior avanço, de 3,68%, a R$ 1,69. A Itaúsa (ITSA4), empresa que atua na área financeira e industrial, veio em seguida, com valorização de 2,17%, a R$ 9,87.

As ações ordinárias da Vale (VALE3), que dão direito a voto, subiram 1,65%, a R$ 30,79; as preferenciais da mineradora (VALE5), que dão prioridade na distribuição de dividendos, avançaram 1,62%, a R$ 28,15. 

Pouco antes, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu que a mineradora não será obrigada a pagar impostos sobre lucro de empresas controladas em três países no exterior.

O Itaú Unibanco (ITUB4) teve ganhos de 2,16%, a R$ 36,50. O Bradesco (BBDC4) encerrou em alta de 1,82%, a R$ 33,60. 

O lucro líquido do Bradesco cresceu 18% no primeiro trimestre em comparação com o mesmo período do ano passado, e atingiu R$ 3,443 bilhões. Trata-se do maior lucro da história do banco para o primeiro trimestre.

Ranking Nome Código Variação (%)  Último (R$) 
1 Gol GOLL4 6,25% 13,09
2 Rossi RSID3 3,68% 1,69
3 Klabin KLBN4 3,17% 2,30
4 Itausa ITSA4 2,17% 9,87
5 Itaú Unibanco ITUB4 2,16% 36,50
6 Cyrela CYRE3 2,15% 13,80
7 Energias BR ENBR3 1,98% 10,80
8 Klabin KLBN11 1,98% 11,49
9 Bradesco BBDC3 1,95% 34,97
10 BR Malls BRML3 1,87% 19,08

Maiores Baixas

A siderúrgica Usiminas e a empresa de cosméticos Natura tiveram, respectivamente, a primeira e a segunda maior queda da Bovespa nesta quinta-feira. A Usiminas (USIM5) caiu 5,58%, a R$ 8,97, e a Natura (NATU3) recuou 5,3%, a R$ 38,04.

A Usiminas divulgou lucro de R$ 222 milhões no 1º trimestre, melhor resultado desde 2010, mas uma declaração pessimista de um executivo da companhia fez com que as ações passassem a cair. Em relação à Natura, o lucro da empresa caiu 6%, apesar do avanço das vendas no trimestre.

A Suzano Papel e Celulose (SUZB5) registrou a terceira maior baixa, de 4,48%, a R$ 7,68.

Ranking Nome Código Variação (%)  Último (R$) 
1 Usiminas USIM5 -5,16% 9,01
2 Natura NATU3 -4,93% 38,19
3 Suzano Papel SUZB5 -4,48% 7,68
4 Copel CPLE6 -2,65% 31,64
5 JBS JBSS3 -2,38% 7,80
6 Marfrig MRFG3 -2,13% 4,13
7 CSN CSNA3 -2,08% 8,96
8 Dasa DASA3 -1,79% 13,69
9 Qualicorp QUAL3 -1,74% 22,05
10 Braskem BRKM5 -1,72% 15,46

Composição do Ibovespa

Nome Código Variação (%)  Último (R$)   Compra (R$)   Venda (R$)   Variação (R$) 
ALL ALLL3 1,44% 8,44 8,25 8,48 0,12
Ambev ABEV3 -1,30% 17,40 17,36 17,47 -0,23
Anhanguera AEDU3 -1,45% 12,89 12,52 13,00 -0,19
BM&FBovespa BVMF3 0,69% 11,60 11,48 11,64 0,08
Banco do Brasil BBAS3 -0,71% 23,68 23,50 24,08 -0,17
BB Seguridade BBSE3 1,67% 26,71 26,39 26,74 0,44
BR Malls BRML3 1,87% 19,08 18,56 19,25 0,35
BR Properties BRPR3 1,83% 18,32 17,75 18,68 0,33
Bradesco BBDC4 1,82% 33,60 33,40 33,65 0,60
Bradesco BBDC3 1,95% 34,97 33,20 35,15 0,67
Bradespar BRAP4 1,72% 21,34 21,27 21,82 0,36
Brasil Foods BRFS3 -0,04% 48,58 48,13 48,99 -0,02
Braskem BRKM5 -1,72% 15,46 15,23 16,10 -0,27
Brookfield BISA3 0,00% 1,44 1,43 1,45 0,00
CCR CCRO3 0,51% 17,81 17,70 18,00 0,09
CESP CESP6 0,11% 28,29 27,61 28,61 0,03
CPFL CPFE3 0,00% 19,60 19,31 19,80 0,00
CSN CSNA3 -2,08% 8,96 8,80 9,03 -0,19
Cemig CMIG4 -1,39% 16,37 16,23 16,50 -0,23
Cetip CTIP3 0,22% 27,76 27,48 27,93 0,06
Cielo CIEL3 -0,38% 38,85 38,43 39,00 -0,15
Copel CPLE6 -2,65% 31,64 32,01 32,70 -0,86
Cosan CSAN3 0,94% 37,60 37,10 37,78 0,35
Cyrela CYRE3 2,15% 13,80 13,42 13,84 0,29
Dasa DASA3 -1,79% 13,69 13,17 14,70 -0,25
Duratex DTEX3 -0,99% 9,99 9,85 10,03 -0,10
Eletrobras ELET3 0,66% 12,28 12,10 12,35 0,08
Eletrobras ELET6 -0,51% 7,88 7,70 7,95 -0,04
Eletropaulo ELPL4 0,10% 9,86 9,81 9,95 0,01
Embraer EMBR3 -0,63% 19,03 18,81 19,22 -0,12
Energias BR ENBR3 1,98% 10,80 10,71 10,85 0,21
Estácio ESTC3 -0,69% 22,95 22,60 23,00 -0,16
Even  EVEN3 -0,42% 7,18 7,05 7,25 -0,03
Fibria  FIBR3 -0,40% 22,55 22,25 22,72 -0,09
Gafisa GFSA3 0,28% 3,58 3,56 3,63 0,01
Gerdau GGBR4 0,15% 13,52 13,33 13,60 0,02
Gerdau Metal GOAU4 -0,06% 16,47 16,01 16,55 -0,01
Gol GOLL4 6,25% 13,09 12,95 13,20 0,77
Hering HGTX3 -1,26% 24,80 24,77 25,15 -0,32
Hypermarcas HYPE3 -1,04% 16,10 16,01 16,65 -0,17
Itausa ITSA4 2,17% 9,87 9,84 9,90 0,21
Itaú Unibanco ITUB4 2,16% 36,50 36,31 36,54 0,77
JBS JBSS3 -2,38% 7,80 7,77 7,88 -0,19
Klabin KLBN4 3,17% 2,30 0,00 0,00 0,07
Klabin KLBN11 1,98% 11,49 0,00 0,00 0,22
Kroton KROT3 0,44% 45,55 0,00 0,00 0,20
LLX Logistica LLXL3 0,00% 1,07 0,00 0,00 0,00
Light LIGT3 1,24% 19,57 0,00 0,00 0,24
Localiza RENT3 1,13% 35,04 0,00 0,00 0,39
Lojas Americanas LAME4 0,72% 16,77 0,00 0,00 0,12
Lojas Renner LREN3 -0,82% 62,73 0,00 0,00 -0,52
MRV MRVE3 0,99% 7,17 0,00 0,00 0,07
Marfrig MRFG3 -2,13% 4,13 0,00 0,00 -0,09
Natura NATU3 -4,93% 38,19 0,00 0,00 -1,98
Oi OIBR4 0,77% 2,63 0,00 0,00 0,02
PDG Realty PDGR3 0,73% 1,38 0,00 0,00 0,01
Pão de Açúcar PCAR4 0,20% 105,73 0,00 0,00 0,21
Petrobras PETR3 0,50% 16,11 0,00 0,00 0,08
Petrobras PETR4 -0,13% 15,20 0,00 0,00 -0,02
Qualicorp QUAL3 -1,74% 22,05 0,00 0,00 -0,39
Rossi RSID3 3,68% 1,69 0,00 0,00 0,06
Sabesp SBSP3 0,42% 21,45 0,00 0,00 0,09
Santander SANB11 0,16% 12,86 0,00 0,00 0,02
Souza Cruz CRUZ3 -1,05% 21,75 21,38 21,95 -0,23
Suzano Papel SUZB5 -4,48% 7,68 0,00 0,00 -0,36
Telefônica Brasil VIVT4 -0,37% 45,60 0,00 0,00 -0,17
Tim TIMP3 0,00% 11,10 0,00 0,00 0,00
Tractebel TBLE3 -1,24% 32,67 0,00 0,00 -0,41
Ultrapar UGPA3 -0,66% 55,98 0,00 0,00 -0,37
Usiminas USIM5 -5,16% 9,01 0,00 0,00 -0,49
Vale VALE3 1,55% 28,13 0,00 0,00 0,43
Vale VALE5 1,55% 30,76 0,00 0,00 0,47

Fechamento do Mercado Bovespa

O Ibovespa, principal índice de ações da Bolsa de Valores de São Paulo, fechou o pregão desta quinta-feira cotado em 51.817,45 pontos – uma valorização de 0,48% em relação ao pregão anterior.

Ao longo do dia, a cotação do índice oscilou pouco, registrando uma diferença de 0.726 pontos entre os valores mínimo (51.237,58) e máximo (51.963,17) obtidos pelo indicador.

Com a valorização de hoje, o Ibovespa acumula uma alta de 9,19% nos últimos doze meses. No ano, o índice acumula uma alta de 0,6%.

Principais Destaques do Mercado Bovespa

Dentre todos os ativos negociados no mercado de ações da Bovespa, 44,37% (134) fecharam o pregão desta quinta-feira operando em alta. As maiores altas registradas no fechamento do pregão foram:

1) Valorização de +29,41% da ação ordinária Renar (RNAR3)
2) Valorização de +14,29% da ação ordinária M G Poliest ON (RHDS3)
3) Valorização de +9,22% da ação ordinária Energisa ON (ENGI3)

Veja o ranking completo das maiores altas do Mercado Bovespa.

Dentre todos os ativos negociados no mercado de ações da Bovespa, 52,32% (158) fecharam o pregão desta quinta-feira operando em baixa. As maiores baixas registradas no fechamento do pregão foram:

1) Desvalorização de -19,09% da ação ordinária Iguacu Cafe ON (IGUA3)
2) Desvalorização de -10,00% da ação preferencial Metal Iguacu (MTIG4)
3) Desvalorização de -8,70% da ação preferencial Estrela (ESTR4)

Veja o ranking completo das maiores baixas do Mercado Bovespa.

Petrobras

Um total de 53.205 negócios foram realizados envolvendo as ações preferenciais e ordinárias da Petrobras – principal empresa do setor de petróleo e gás negociada no mercado de ações da BM&FBOVESPA. Esses negócios envolveram a transação de 39.109.200 de ações da empresa e a movimentação de R$ 1.225.251.404,50. As ações ordinárias da Petrobras (PETR3) fecharam cotadas em R$ 15,20. Já as ações preferenciais da Petrobras (PETR4) fecharam cotadas em R$ 16,11.

Vale

Um total de 29.322 negócios foram realizados envolvendo as ações preferenciais e ordinárias da Vale – principal empresa do setor de mineração negociada no mercado de ações da BM&FBOVESPA. Esses negócios envolveram a transação de 16.872.500 de ações da empresa e a movimentação de R$ 990.853.775,52. As ações ordinárias da Vale (VALE3) fecharam cotadas em R$ 30,76. Já as ações preferenciais da Vale (VALE5) fecharam cotadas em R$ 28,13.

Páginas Relacionadas

Seu Histórico Recente
BOV
VALE5
Vale PNA
BOV
IBOV
iBovespa
BOV
PETR4
Petrobras
BOV
IGBR3
IGB SA
FX
USDBRL
Dólar EUA ..
Ações já vistas aparecerão nesta caixa, facilitando a volta para cotações pesquisadas anteriormente.

Registre-se agora para criar sua própria lista de ações customizada.

Faça o login em ADVFN
Registrar agora

Ao acessar os serviços da ADVFN você estará de acordo com os Termos e Condições

P: V:br D:20230127 08:57:47