A Paranapanema (BOV:PMAM3), maior produtora brasileira não integrada de cobre refinado e seus produtos (vergalhões, fios trefilados, laminados, barras, tubos, conexões e suas ligas), anunciou o resultado do quarto trimestre de 2018 nesta quarta, após o pregão.

No 4T18, a companhia apresentou um lucro líquido de R$32,6 milhões. No 4T17, a empresa teve prejuízo de R$ 117.3 milhões.

No acumulado do ano, os impactos não monetários da variação cambial sobre as dívidas de longo prazo totalizaram R$231,2 milhões e levaram a um prejuízo líquido de R$ 323,4 milhões. O prejuízo em 2017 foi de R$ 135,7 milhões.

O EBITDA ficou positivo em R$ 82,7 milhões em 2018 com alta de 139% comparada ao resultado negativo de R$ 214,7 milhões de 2017.

No 4T18 o Ebitda foi de R$ 80,1 milhões positivo, dando continuidade ao processo de recuperação operacional, via maior ocupação dos ativos em especial na produção de Vergalhões, Fios e Coprodutos.

No 4T17, o Ebitda foi de R$ 20,1 milhões.

A Receita Líquida foi de R$4.765,8 milhões, crescimento de 36% comparada à R$ 3.508,5 milhões em 2017 (4T17: R$1.134,1 milhões / 4T18: R$1.315,1 milhões), decorrente principalmente do crescimento anual de 17% do volume de vendas de produtos de cobre que oferecem maior rentabilidade.

Confira os detalhes no release com os resultados: 

PARANAPANEMA ON (BOV:PMAM3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Nov 2020 até Dez 2020 Click aqui para mais gráficos PARANAPANEMA ON.
PARANAPANEMA ON (BOV:PMAM3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Dez 2019 até Dez 2020 Click aqui para mais gráficos PARANAPANEMA ON.