A Ativa Investimentos divulgou a nova composição da sua carteira Strategy para setembro. A opção dos analistas foi realizar duas substituições e incluir um ativo a mais. A equipe da Ativa substituiu os papéis da Cemig e Usiminas pelos ativos da EDP Brasil e JBS. Além disso, a corretora incluiu o papel da Lojas Renner.

Desempenho

Em agosto, a principal carteira da corretora teve queda de 1,0% frente à desvalorização de 0,7% do Ibovespa. Os principais destaques para BRF (positivo), com alta de 14% e Usiminas (negativo), com perdas de 10%.

Composição

Para o mês de setembro, a Carteira Strategy da Ativa é composta pelos ativos da Petrobras (BOV:PETR4) (10%), Itaú Unibanco (BOV:ITUB4) (10%), Equatorial (BOV:EQTL3) (15%), Suzano (BOV:SUZB3) (5%), JBS (BOV:JBSS3) (10%), BR Malls (BOV:BRML3) (15%), BRF (BOV:BRFS3) (10%), EDP do Brasil (BOV:ENBR3) (10%), Pão de Açúcar (BOV:PCAR4) (10%), Lojas Renner (BOV:LREN3) (5%).

Carteira de Dividendos

Para o mês, a Ativa aposta nos ativos do Itaú Unibanco (BOV:ITUB4) (20%), Equatorial (BOV:EQTL3) (15%), BR Malls (15%), B3 (10%), Taesa (BOV:TAEE11) (15%), Engie Brasil (BOV:EGIE3) (10%), Hypera (BOV:HYPE3) (5%) e Santander Brasil (BOV:SANB11) (10%).

HYPERA ON (BOV:HYPE3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Ago 2020 até Set 2020 Click aqui para mais gráficos HYPERA ON.
HYPERA ON (BOV:HYPE3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Set 2019 até Set 2020 Click aqui para mais gráficos HYPERA ON.