A empresa Taesa (BOV:TAEE11) divulgou na última quinta-feira (12) o balanço anual de 2019 e referente ao último trimestre do ano de 2019.

O Lucro líquido totalizou R$ 177,5 milhões no 4T19 e R$ 1.002,3 bilhões em 2019, menores em 34,1% e 6,4%, respectivamente, quando comparados aos mesmos períodos de 2018

Lucro líquido ajustado do 2019 foi de R$ 711,0 milhões, excluindo os efeitos da adoção do CPC 47 de R$ 291,3 milhões. Após a destinação das reservas legal e de incentivo fiscal, o lucro distribuível totalizou R$ 655,9 MM (R$ 1,90 / Unit e payout de 92,3% do lucro líquido ajustado e de 65,5% do lucro liquida):

(i) Pagamento de R$ 594,2 MM (R$ 1,72 / Unit) realizado ao longo de 2019 sendo: R$ 320,1 milhões (R$ 0,93 / Unit) em dividendos intercalares, e (ii) R$ 274,1 milhões (R$ 0,80 / Unit) em JCP

(ii) Valor remanescente de R$ 61,8 milhões (R$ 0,18 / Unit) a ser distribuído a título de dividendos adicionais propostos foi aprovado pelo Conselho de Administração em 12 de março de 2020 e será submetido para aprovação da Assembleia de Acionistas.

O EBITDA totalizou R$ 258,2 milhões do 4T19 e R$ 1.153,7 milhões em 2019, queda de 0,8% e 11,6%, respectivamente, na comparação anual. Margem EBITDA ficou 76,1% no 4T19 (-2,3pp) e 82,7% em 2019 (- 2,7pp). Essa redução é explicada basicamente pelo corte de 50% da RAP de algumas concessões e pelo aumento dos custos entre os períodos comparados.

No 4T19, a Dívida Bruta da Companhia totalizou R$5.265,0 milhões, 12,6% maior que o trimestre anterior. O caixa da Companhia ficou em R$ 2.424,4 milhões (+17,8% versus 3T19), resultando em uma Dívida líquida de R$ 2.840,7 milhões, registrando um crescimento de 8,5% no trimestre. Dívida líquida / EBITDA ficou em 2,2x (versus 2,0x no 3T19).

Taesa aumenta previsão de investimentos em 2020

A Taesa (TAEE11) divulgou, nesta sexta-feira (13), que aumentou sua previsão de investimentos neste ano para R$ 1,04 bilhão a R$ 1,13 bilhão. A informação foi divulgada por meio de um fato relevante.

Anteriormente, segundo a estimativa da Taesa, seriam investidos entre R$ 940 milhões e R$ 1,2 bilhão neste ano. Para 2021 e 2022, a empresa do segmento elétrico planeja investir, respectivamente, R$ 310 milhões a R$ 340 milhões e R$ 15 milhões a R$ 20 milhões.

Ainda segundo a companhia, o valor investido no ano passado foi de R$ 314 milhões, 23,4% menor do que o estimado para 2019, que ficava entre R$ 410 milhões e R$ 450 milhões.

Quanto às receitas regulatórias (Receita Anual Permitida – RAP), a Taesa poderá gerar de R$ 78 milhões em 2020, R$ 186 milhões em 2021 e R$ 107 milhões em 2022.

Sobre a Taesa

(BOV:TAEE11) é o código de negociação na BM&BOVESPA dos certificados de depósitos de ações da Taesa – Transmissão Aliança de Energia Elétrica S/A, empresa brasileira do setor de energia elétrica.

Taesa, antiga Terna Participações, detem 13 concessões cedidas pela agência reguladora Aneel por um período de 30 anos, além de 6.250 linhas de transmissão, 47 subestações e um centro de controle. A companhia é responsável integral pela subsidiária NTE – Nordeste Transmissora de Energia S/A, e conta com participações em três outras empresas: Unisa – União de Transmissoras de Energia Elétrica S/AEtau – Empresa de Transmissão do Alto Uruguai S/A e Brasnorte Transmissora de Energia S/A.

Negociada no Mercado Bovespa desde 20 de Julho de 2010, o ativo TAEE11 é composto por 1 ação ordinária TAEE3 e 2 ações preferenciais TAEE4. Apesar de representar mais de uma classe de valores mobiliários, a unit da Taesa é comprada e/ou vendida no mercado como uma unidade.

Transmissão Aliança de Energia Elétrica S/A – Taesa também possui outros valores mobiliários disponíveis para negociação no mercado de bolsa de valores brasileiro. Na BM&FBOVESPA, além dos certificados de depósitos de ações TAEE11, o investidor também pode negociar ações ordinárias (BOV:TAEE3) e ações preferenciais (BOV:TAEE4).

TAESA (BOV:TAEE11)
Gráfico Histórico do Ativo
De Nov 2020 até Dez 2020 Click aqui para mais gráficos TAESA.
TAESA (BOV:TAEE11)
Gráfico Histórico do Ativo
De Dez 2019 até Dez 2020 Click aqui para mais gráficos TAESA.