A taxa de juros na mínima histórica foi provavelmente o ponto de inflexão para mais brasileiros passarem a gostar de investir em ações, no que parece um período secular de migração de investidores individuais para a bolsa e que deve deixar a B3 (BOV:B3SA3) e a XP como maiores beneficiários, disseram analistas do BTG Pactual em relatório. A crise que a eclosão da pandemia do coronavírus causou em março levantou preocupações sobre se a tendência de maior migração para a renda variável seria revertida, “mas até agora vimos o contrário”, disse o analista Eduardo Rosman.

Isso não somente deve ter acontecido por conta da maior maturidade e resiliência do investidor pessoa física, que enfrentou fortes perdas na bolsa entre 2011 e 2016, mas pelo fato de que as ações e os contratos futuros estão exibindo rendimentos muito maiores do que a renda fixa. “Neste ponto, e com base no que estamos vendo em termos de volumes em abril, maio e início de junho, definitivamente vemos um risco positivo nas nossas estimativas para B3 e XP”, apontou. Atualmente, Rosman recomenda compra nos papéis de ambas as companhias. O próprio BTG Pactual tem uma plataforma para pessoas físicas que concorre com a XP na área de gestão de investimentos para esse segmento.

O relatório mostra que a maior estabilidade econômica, a queda estrutural nas taxas de juros e o fluxo maior de informações e educação financeira entre as pessoas físicas têm contribuído para um rápido aumento do número de investidores não institucionais no B3. O número de CPFs na bolsa passou de 560 mil em 2015 para 2,4 milhões em maio – crescendo a uma taxa de crescimento anual composta de 40%. “A disseminação de plataformas de investimento digital e o nascimento de uma indústria de mídia orientada a investimentos também foram fundamentais para aumentar a democratização dos investimentos no Brasil.

Portanto, acreditamos que a mudança no comportamento dos investidores de varejo é estrutural e muito potente para os nomes que se beneficiam do aprofundamento financeiro do Brasil”, disse Rosman. Apesar da cair quase 30% em março, o Ibovespa teve a maior adição líquida de investidores de varejo na história: quase 298 mil. O dinheiro líquido novo dos investidores de varejo atingiu R$35,5 bilhões no acumulado do ano, mais de cinco vezes do que o ano de 2019 completo

Fonte TC Mover

B3 SA - Brasil Bolsa Bal... ON (BOV:B3SA3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Ago 2020 até Set 2020 Click aqui para mais gráficos B3 SA - Brasil Bolsa Bal... ON.
B3 SA - Brasil Bolsa Bal... ON (BOV:B3SA3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Set 2019 até Set 2020 Click aqui para mais gráficos B3 SA - Brasil Bolsa Bal... ON.