A Ambev vai investir R$ 255 milhões em sua cervejaria de Pernambuco para ampliar a capacidade de produção de cervejas puro malte e uma nova linha de envase de latas para abastecer o Norte e Nordeste.

Em 2021, a Ambev (BOV:ABEV3) passará a ser a cervejaria com a maior capacidade de produção de puro malte no Norte e Nordeste, aumentando a capacidade de produção de cervejas como Stella Artois, Skol Puro Malte, Bohemia, Brahma Extra e Brahma Duplo Malte. A linha de lata terá capacidade de produzir 120 mil latas por hora, sendo a linha mais inovadora da América do Sul, projetada com tecnologias da indústria 4.0, informou a companhia. Na última década, a Ambev investiu mais de R$ 1,5 bilhão na unidade de Itapissuma. O governador Paulo Câmara visita a unidade nesta sexta para o anúncio.

“Não vemos este investimento de  R$ 255 milhões como relevante para as ações da Ambev, embora haja destaque no foco crescente da empresa no segmento de malte puro emergente no Brasil (compreendendo mais marcas mainstream premium e também marcas premium). Dito isso, a alta participação de mercado que a reportagem [do Valor, anterior ao anúncio oficial] destaca que a Heineken detém no segmento premium no Nordeste (66%) chamou nossa atenção, destacando que os desafios competitivos da Ambev são maiores no segmento premium de crescimento mais rápido”, avalia o Bradesco BBI, que mantém recomendação neutra para o papel ABEV3, com preço-alvo de R$ 15,50.