A Assembleia Geral Extraordinária da Light informa que foi aprovado o grupamento da totalidade das ações de emissão da Light à razão de 100 ações para 1 ação com o simultâneo desdobramento de cada ação grupada na proporção de 1 para 100.

O fato relevante foi feito pela empresa (BOV:LIGT3), nesta quinta-feira (29). Confira o comunicado na íntegra.

A Operação tem por objetivo, diante da existência de um grande número de acionistas da Companhia detentores de participações acionárias inferiores a 100 ações, cuja maioria se encontra na condição de inativos, gerando significativo volume de serviços e custos operacionais para a Companhia:

Reduzir custos administrativos e operacionais para a Companhia e seus acionistas, proporcionar maior eficiência na gestão da base acionária da Light e reduzir as possibilidades de erros de informação e comunicação, melhorando o atendimento aos acionistas da Companhia.

A Operação consistirá no grupamento das 372.555.324 ações ordinárias de emissão da Companhia, à razão de 100 para 1 , com o simultâneo desdobramento das ações ordinárias, na proporção de 1  para 100 resultando em 372.555.324 ações ordinárias.

Simultaneamente à Operação no mercado brasileiro, os valores mobiliários negociados no mercado americano (ADR – American Depositary Receipt) também serão grupados e, simultaneamente, desdobrados, obedecendo-se a mesma proporção e o mesmo prazo estipulado para ajuste das posições no mercado brasileiro abaixo.

Após a Operação, os ADR de emissão da Companhia continuarão a ser negociados na proporção de 1 (uma) ação ordinária para 1 (um) ADR.

A Operação não resultará em alteração do valor do capital social da Light, e os direitos conferidos pelas ações de emissão da Companhia a seus titulares também não serão modificados.

A Light pretende divulgar os resultados do 1T21 no dia 13 de maio.

Lucro líquido de R$ 493 milhões em 2020, alta de 178%

A elétrica Light registrou lucro líquido de R$ 493 milhões em 2020, alta de 178% sobre 2019.

Em 2020, a receita líquida avançou 2,7%, para R$ 11,8 bilhões, e o Ebitda aumentou 28,3%, para R$ 2,2 bilhões.

4T20

A Light apresentou um lucro líquido recorrente de R$ 235 milhões no quarto trimestre de 2020, revertendo prejuízo de R$ 48 milhões no mesmo período do ano anterior, contando com a ajuda do reconhecimento de montantes de um acordo relacionado ao déficit hídrico com o governo.

Na unidade geradora de energia da Light, houve um aumento relevante no lucro, em razão do reconhecimento do registro do ativo intangível referente ao acordo, no valor de R$ 433,8 milhões.

LIGHT ON (BOV:LIGT3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Dez 2021 até Jan 2022 Click aqui para mais gráficos LIGHT ON.
LIGHT ON (BOV:LIGT3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Jan 2021 até Jan 2022 Click aqui para mais gráficos LIGHT ON.