A Positivo Tecnologia, está reposicionando a área de negócios no setor de tecnologias para educação.

O comunicado foi feito pela companhia (BOV:POSI3), na terça-feira (22). Confira o documento na íntegra.

O foco é vender, em parceria com startups, tecnologia de suporte ao ensino a escolas públicas e privadas.

O movimento mostra, de certa forma, o retorno da companhia ao mercado de ensino, que deu origem à Positivo em 1989. Há dois anos a empresa vendeu dois grandes negócios nessa área. Em maio de 2019, o Sistema Positivo de Ensino foi vendido à Arco Educação por R$ 1,65 bilhão e, em dezembro do mesmo ano, a Universidade Positivo foi comprada pela Cruzeiro do Sul, por estimados R$ 500 milhões.

Lucro líquido de R$ 54,8 milhões no 1T21, crescimento de 16 vezes

Positivo Tecnologia registrou lucro líquido atribuível aos seus acionistas controladores de R$ 54,8 milhões no primeiro trimestre, montante 16 vezes maior (1175%) frente aos R$ 3,4 milhões apurados no mesmo intervalo de 2020.

O lucro bruto da empresa totalizou R$ 168 milhões entre janeiro e março, um aumento de 156,6% na análise anual.

receita líquida cresceu 78,7%, para R$ 676,4 milhões. As vendas da empresa alcançaram R$ 809,5 milhões nos três primeiros meses desse ano, sendo 85% maior que o mesmo período de 2020.

ebtida – lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização – foi de R$ 50 milhões no trimestre, revertendo resultado negativo em R$ 1 milhão no primeiro trimestre de 2020.

POSITIVO TEC ON (BOV:POSI3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Dez 2021 até Jan 2022 Click aqui para mais gráficos POSITIVO TEC ON.
POSITIVO TEC ON (BOV:POSI3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Jan 2021 até Jan 2022 Click aqui para mais gráficos POSITIVO TEC ON.