Itaúsa, holding que controla o Itaú Unibanco e as empresas Dexco (ex-Duratex) e Alpargatas, registrou lucro líquido de R$ 3,51 bilhões no segundo trimestre, alta de 487% ante os R$ 598 milhões reportados no mesmo período do ano passado.

As companhias do portfólio apresentaram novamente avanços importantes nos resultados operacionais. No setor financeiro, destacam-se a melhor margem financeira e menor volume de perdas esperadas com operações de crédito, aliados ao controle eficiente das despesas gerais e administrativas, impulsionando o crescimento do lucro. Em bens de consumo e materiais para construção civil, Alpargatas e Dexco (antiga Duratex) apresentaram novamente crescimento nas vendas, na receita líquida e no EBITDA, mesmo com pressões no custo de alguns insumos.

Cabe destacar que este foi o melhor 2º trimestre da história da Dexco. Nos segmentos de distribuição e transporte de gás, NTS e Copa Energia também tiveram crescimento de receita. Adicionalmente, a partir de junho, os resultados da XP Inc. passaram a ser reconhecidos pela Itaúsa, o que também contribuiu positivamente para o resultado da holding.

O lucro líquido recorrente, por sua vez, foi de R$ 2,86 bilhões no período, alta de 99% sobre o mesmo período de 2020.

O retorno sobre o patrimônio líquido (ROE) sobre o PL Médio atingiu 19,5% no primeiro semestre, aumento de 13,5 pontos porcentuais na comparação anual. O ROE recorrente, por sua vez, foi de 17,9%, crescimento de 8,5 pontos porcentuais.

O ativo total da holding somou R$ 69,423 bilhões no trimestre, 22,8% superior ao do mesmo período do ano passado. O patrimônio líquido fechou junho em R$ 61,112 bilhões, 15,5% maior do que em igual intervalo de 2020.

O setor financeiro teve desempenho total de R$ 2,743 bilhões, avanço de 93% em relação ao segundo trimestre de 2020. O setor não financeiro da Itaúsa somou R$ 225 milhões, alta de 281% em relação ao mesmo intervalo de 2020.

A companhia registrou crescimento de 1.715% no endividamento líquido em seu balanço patrimonial, atingindo R$ 3,867 bilhão.

O resultado financeiro foi de R$ 19 milhões de despesas, aumento de 138% em comparação ao segundo trimestre do ano passado, principalmente devido de maiores despesas com juros de debêntures, parcialmente compensado pela maior rentabilidade do caixa, dada a maior taxa básica de juros.

As despesas administrativas totalizaram R$ 33 milhões no segundo trimestre, alta de 38% em relação ao mesmo período do ano anterior, principalmente em função da reversão pontual de provisões relacionada a projetos de Novos Negócios ocorrida no segundo trimestre de 2020, o que beneficiou o resultado do trimestre.

Os resultados da Itaúsa (BOV:ITSA3) (BOV:ITSA4) referentes às suas operações do segundo trimestre de 2021 foram divulgados no dia 09/08/2021. Confira o Press Release!

* Com informações da ADVFN, RI das empresas, Valor, Infomoney, Estadão, Reuters
ITAUSA ON (BOV:ITSA3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Out 2021 até Nov 2021 Click aqui para mais gráficos ITAUSA ON.
ITAUSA ON (BOV:ITSA3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Nov 2020 até Nov 2021 Click aqui para mais gráficos ITAUSA ON.