O Bradesco (BOV:BBDC3) (BOV:BBDC4) acaba de promover mudanças em seu organograma para reforçar a área de gestão de riscos do conglomerado. A principal delas é a criação de uma nova vice-presidência, focada em gestão de riscos, que será ocupada por Moacir Nachbar Junior, antes diretor-executivo do banco. O Broadcast teve acesso às mudanças com exclusividade.

Nachbar passará a cuidar das áreas de compliance, conduta e ética, controle integrado de riscos, segurança corporativa e de private equity e venture capital. Como diretor, ele já era responsável por algumas delas, sob o guarda-chuva do vice-presidente André Cano.

“Nossa visão é que devemos construir um balanço cada vez mais saudável, além de preservar as condições para a perenidade da instituição”, afirma o presidente do Bradesco, Octavio de Lazari Junior. “Um dos pontos de atenção, nesse sentido, é a preocupação contínua em mitigar o potencial de riscos da atividade, entre eles, de mercado, de liquidez, de crédito e de imagem”, complementa.

“Queremos que esta gestão seja robusta nas várias dimensões que envolvem um banco do nosso porte e diversificação de frentes de negócio”, prossegue o executivo. Com a mudança, o Bradesco passa a ter seis vice-presidências, ante as cinco que possuía.

As mudanças levarão a uma reorganização das funções entre os demais vice-presidentes do banco. Cassiano Scarpelli passará a concentrar as áreas de tesouraria, trading, mercado, mesa de clientes e macroeconomia. Já André Cano ficará com as áreas de relações com o mercado, finanças, a gestora Bram, o RH, e as áreas jurídica e institucional do conglomerado.

Eurico Ramos, vice de varejo, crédito e cartões, vai acumular todas as áreas de relacionamento com pessoas físicas, o que inclui o Prime, segmento do Bradesco voltado a clientes de alta renda, e a área de investimentos.

Marcelo Noronha, vice de atacado e internacional, também terá sob sua supervisão o Private (segmento para investidores de alta renda), a Bradesco Corretora e a Ágora, corretora do Bradesco voltada a investidores de varejo.

Outra mudança será na vice-presidência de arquitetura de tecnologia da informação e canais digitais, ocupada por Eurico Ramos. A estrutura terá duas diretorias executivas: uma de infraestrutura, ocupada por Walkiria Schirrmeister Marchetti, que já é diretora executiva do banco, e outra voltada aos canais digitais, que receberá Edilson Dias dos Reis, que foi promovido de diretor departamental a diretor executivo.

Outra promoção para a diretoria executiva foi a de Klayton Tomaz dos Santos, que responderá por áreas como as de atendimento e operações de canais e comercialização de produtos e serviços.

O Bradesco destaca que, com as mudanças, nos cargos executivos e de comando nas áreas de tecnologia, as mulheres serão maioria. Além de Walkiria Marchetti, Renata Petrovic, Carolina Fera, Patrícia Assunção, Cristina Coelho de Abreu Pinna e Cintia Barcelos de Souza terão postos, sob as novas estruturas.

Além disso, o banco passará a ter dois vices – Nachbar e Scarpelli – formados na escola da Fundação Bradesco.

Informações Broadcast

BRADESCO ON (BOV:BBDC3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Abr 2022 até Mai 2022 Click aqui para mais gráficos BRADESCO ON.
BRADESCO ON (BOV:BBDC3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Mai 2021 até Mai 2022 Click aqui para mais gráficos BRADESCO ON.