A Americanas (BOV:AMER3) comunicou que seu Conselho de Administração aprovou o nome de Camille Loyo Faria, até então CFO da TIM (BOV:TIMS3), para ocupar o cargo de Diretora Financeira e de Relações com Investidores da varejista. O mandato terá início em 1 de fevereiro.

Camille ocupou os cargos de Diretora de Finanças e de Relações com Investidores da TIM de agosto de 2021 até janeiro de 2023; ela também foi CFO da Oi (BOV:OIBR3) de novembro de 2019 até agosto de 2021. Anteriormente, ela atuou na área de Investment Banking do Bank of America Merrill Lynch entre abril de 2015 e outubro de 2019, além de ter passagens pelas áreas de Investment Banking do Bradesco BBI e do Morgan Stanley, como diretora responsável pelos setores de Energia, Tecnologia/Mídia/Telecom e Indústrias.

Também desempenhou funções executivas no setor de telecomunicações e infraestrutura, tendo ocupado as posições de CEO da Multiner, CFO da Terna Participações e, ainda, Líder de Estratégia na Embratel e no grupo Telecom Italia no Brasil e na América Latina.

A TIM também divulgou comunicado na tarde desta terça informando a saída de Camille, que permanecerá no exercício de suas funções até 31 de janeiro de 2023.

“A companhia registra seus agradecimentos à Faria por seu comprometimento e dedicação no desempenho de suas funções ao longo de seu período de gestão e entregas de extrema importância como o processo de aquisição e de integração dos ativos da Oi Móvel”, destacou a tele.

A TIM informou que os procedimentos para indicação do novo responsável já foram iniciados e o Conselho de Administração se reunirá oportunamente para deliberar sobre a eleição para os cargos de Diretor Financeiro e de Diretor de Relações com Investidores da empresa.

Em análise a clientes antes do nome ser confirmado, o Credit Suisse avaliou como positiva a notícia, já que a executiva “tem sólida formação financeira, notadamente por seu papel como CFO na Oi durante seu processo de recuperação judicial em 2019-2021.”

O JPMorgan destaca que Camille atua (até o fim de janeiro, assumindo o novo cargo da Americanas no dia 1 de fevereiro) como CFO da TIM “e, mais importante, atuou como CFO da Oi por 2 anos durante seu processo de recuperação judicial em 2019″.

Assim, o banco destaca “a experiência relevante no assunto em um contexto em que a Americanas provavelmente entrará em recuperação judicial, na sequência da liminar apresentada na sexta-feira passada. Além disso, o banco ressalta que Camille possui uma extensa experiência em bancos de investimento.

“No geral, isso ressalta as negociações difíceis pela frente ao lado da Rothschild, que foi contratada pela empresa como assessora no processo de negociação de dívidas“, avalia o JP.

Neste ponto, avalia o banco, a visibilidade sobre o valor residual do patrimônio da Americanas é baixo à luz das variáveis envolvidas, como tamanho da injeção de capital (dos acionistas de referência na companhia), potencial conversão de dívida em equity, redução potencial de dívida, resultados operacionais em meio a restrições de crédito, entre outros pontos. Atualmente, o JP tem recomendação underweight (exposição abaixo da média do mercado, equivalente à venda) para AMER3.

Cabe destacar que, na véspera, em análise a clientes antes do nome ser confirmado, o Credit Suisse avaliou a notícia da contratação de Camille como positiva, já que a executiva “tem sólida formação financeira, notadamente por seu papel como CFO na Oi durante seu processo de recuperação judicial em 2019-2021.”

O Credit Suisse colocou a recomendação para os ativos em revisão, assim como o Goldman Sachs na véspera, na sequência de diversas casas de análise que apontaram falta de visibilidade sobre os números da companhia.

Na véspera, no evento Onde Investir 2023, organizado pelo InfoMoney, Luiz Parreiras, gestor da Verde Asset, e Guilherme Affonso Ferreira, sócio e sênior advisor da MOS Capital, destacaram o cenário incerto sobre a Americanas.

“A gente está no terceiro episódio dessa novela e ainda vai ter muito capítulo. Está só no começo”, avaliou Parreiras.

Ferreira também preferiu ser cauteloso e disse que o momento ainda é “nebuloso” e que a transparência que a empresa apresentou até agora foi muito pequena.

O sócio da MOS Capital já fez parte do Conselho da Submarino no passado. “Estou assustado com o que estou vendo. Espero que quando tudo ficar mais claro, as coisas sejam melhores”, acrescenta o especialista da MOS.

VISÃO DO MERCADO

Credit Suisse

Camille Loyo Faria renunciou ao cargo de Diretora Financeira (CFO) da TIM para assumir o cargo de Diretora Financeira e de Relações com Investidores da Americanas.

O time de analistas do Credit Suisse avalia a contratação da executiva pela Americanas como positiva. O banco suíço destaca que ela tem sólida formação financeira e desempenhou um papel importante como CFO na Oi durante o período de recuperação judicial.

Informações Infomoney

OI ON (BOV:OIBR3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Fev 2023 até Mar 2023 Click aqui para mais gráficos OI ON.
OI ON (BOV:OIBR3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Mar 2022 até Mar 2023 Click aqui para mais gráficos OI ON.