Os analistas do Goldman Sachs reduziram hoje o preço-alvo para as ações da B3 de R$ 14,80 para R$ 14,50, mantendo a recomendação neutra, após uma revisão das projeções para a bolsa e uma reunião com a diretoria da companhia.

Segundo eles, os volumes de negociação na B3 (BOV:B3SA3) não devem aumentar de forma significativa até que a Selic, hoje em 12,25% ao ano, fique abaixo de 10%. Os analistas relataram que a direção da B3 abordou as tendências de volume.

“A administração mencionou que da última vez que as taxas [Selic] atingiram 9%, os volumes começaram a aumentar, mas que, com taxas na casa dos dois dígitos, tudo foi pausado”. A integração das empresas de dados Neoway e Neurotech também foi pauta na conversa. Segundo o Goldman Sachs, a administração da B3 espera por ganhos de sinergia no lado dos custos e das receitas.

“O plano é dobrar a receita dos serviços de dados de R$ 500 milhões hoje para R$ 1 bilhão em cinco anos.”

No documento, os analistas também dão destaque aos planos da B3 para “devolver capital aos acionistas”, seja através de dividendos ou de programas de recompra de ações.

Informações BDM
B3 SA - Brasil Bolsa Bal... ON (BOV:B3SA3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Mar 2024 até Abr 2024 Click aqui para mais gráficos B3 SA - Brasil Bolsa Bal... ON.
B3 SA - Brasil Bolsa Bal... ON (BOV:B3SA3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Abr 2023 até Abr 2024 Click aqui para mais gráficos B3 SA - Brasil Bolsa Bal... ON.