Fluxo cambial brasileiro em 2016 acumula perdas de US$ 6,969 bilhões até o trigésimo dia de Outubro

LinkedIn

De acordo com dados sobre o fluxo cambial entre o Brasil e o exterior divulgados pelo Banco Central (BC), no período acumulado entre o primeiro dia útil do ano e o décimo nono dia útil de Outubro, o volume de saída de dólares supera o de entradas em US$ 6,969 bilhões.

Neste período, foi contabilizado um fluxo negativo de dólares pelo canal financeiro de US$ 42,525 bilhões, fruto de ingresso de recursos no valor de US$ 364,476 bilhões e de retirada de dólares no total de US$ 407,001 bilhões.

No comércio exterior, o saldo acumulado no ano, até 30 de Outubro, encontra-se positivo em US$ 35,556 bilhões, com importações no valor de US$ 103,969 bilhões e exportações totalizando US$ 139,525 bilhões. Ainda com relação às exportações, US$ 25,089 bilhões referem-se a Adiantamentos de Contrato de Câmbio (ACC), US$ 39,003 bilhões a Pagamentos Antecipados (PA) e US$ 75,434 bilhões a outros tipos de entradas.

 

Fluxo Cambial Acumulado no Mês

Considerando todos os valores parcialmente acumulados nas quatro primeiras semanas do mês de Outubro, o fluxo cambial encontra-se positivo US$ 8,792 bilhões. Saiba mais!

 

Cálculo do Fluxo Cambial

O cálculo do fluxo cambial brasileiro, saldo entre a entrada e a saída de dólares do país, é composto por dois tipos de contas: a conta comercial, na qual são fechados os contratos de câmbio para operações de exportação e importação, e a conta financeira, que inclui as demais operações de câmbio, como os investimentos estrangeiros diretos, os recursos para aplicações financeiras, as remessas de lucros e dividendos e os empréstimos tomados no exterior.

Deixe um comentário