Dólar fecha em alta após dia de recorde da bolsa

LinkedIn

O dólar fechou em alta nesta terça-feira (22), após as repercussões sobre a privatização da Eletrobrás. A votação em comissão para a criação da Taxa de Longo Prazo (TLP) no Congresso Nacional também impactou o mercado e os resultados da moeda durante o dia.

Histórico

Nesta quarta-feira, o dólar subiu 0,40% em comparação com o dia anterior e o preço da venda ficou em R$ 3,1810 e de compra a R$ 3,1785.

No mês de Agosto, após 16 pregões, a moeda norte-americana apresenta uma valorização de 2,01%. São nove pregões de alta contra sete de baixa ao longo do mês. No último pregão de julho, o dólar fechou cotado a R$ 3,1176 para compra e R$ 3,1181 para venda.

Em relação ao desempenho anual, após 160 pregões, o dólar acumula uma queda de 2,11% ante o real. Até o momento, são 78 pregões de alta contra 82 de baixa. Em 2016, a divisados Estados Unidos fechou cotada a R$ 3,2492 para compra e a R$ 3,2497 para venda.

 

Influências

O anúncio sobre a privatização da Eletrobrás movimentou o mercado durante todo o dia, trazendo até mesmo um número recorde para a B3, que alcançou 70 mil pontos, fato que não acontecia desde 2011.

A votação da medida provisória que cria a TLP em comissão no Congresso também gerou expectativas

No cenário internacional, o dólar operava com leves oscilações durante o dia.

Deixe um comentário