Ibovespa fecha estável, com leve queda de 0,08%

LinkedIn

Com grandes expectativas no cenário político para esta semana, o Ibovespa fechou com leve queda, mas permanece estável. O mercado aguarda conclusão da votação da Taxa de Longo Prazo (TLP) e pela aprovação das metas ficais.

Histórico

O índice da B3 fechou em 71.016,59, de forma estável com leve queda de 0,08%. Os papéis do Bradesco PN (BOV:BBDC4caíram 1,53% e do Bradesco ON (BOV:BBDC3encolheram 0,94%. Já as ações do Itaú Unibanco PN (BOV:ITUB4e do Itaú Unibanco (ON) (BOV:ITUB3fecharam com -0,88% e +0,22% respectivamente. Por outro lado, a Vale PNA (BOV:VALE5 subiram 1,51%.

Após 20 pregões em agosto, o Ibovespa valorizou 7,84%, já que o índice fechou julho com 65.820,36 pontos. Até agora, já foram 13 pregões positivos contra sete negativos.

Já em 2017, depois de 164 pregões, o indicador acumula 17,91% de aumento. Já foram 83 pregões negativos contra 81 positivos. O Ibovespa fechou com 60.227,29 ponto em 2016.

Influência

O cenário político se manem agitado com a espera pela aprovação das novas metas fiscais pelo Congresso, que devem ser avaliadas até quinta-feira (31/08). Ao mesmo tempo, há uma expectativa para que a Câmara aprecie os destaques da TLP antes de enviá-la ao Senado, onde precisa ser apreciado até 6 de setembro, aponta a Reuters.

Ao mesmo tempo, o presidente Michel Temer convocou uma reunião ministerial hoje para definir a agenda do governo e alinhar as votações prioritárias no Congresso durante esta semana, quando estará na China em visita oficial pelo Brics.

Deixe um comentário