Ibovespa fecha o dia com leve alta de 0,44%

LinkedIn

Compensando o dia anterior, o Ibovespa fechou o dia com leve alta, depois de oscilar ao longo do dia. As tenções no Oriente entre Coreia do Norte e Japão pressionaram o mercado no início do dia, assim como a movimentação no Congresso Nacional com a Taxa de Longo Prazo (TLP).

Histórico

O indicador teve uma alta de 0,44%, fechando com 71.329,85 pontos. As ações do Bradesco PN (BOV:BBDC4subiram 1,71%, do Itaú Unibanco (BOV:ITUB4valorizaram 0,91% e a Ambev (BOV:ABEV3) também fechou com alta de 0,25%. Por outro lado, os papéis da Petrobras ON (BOV:PETR3 e do Banco do Brasil (BOV:BBAS3 caíram 0,69% e 0,66% respectivamente.

Em agosto, depois de 21 pregões, o Ibovespa valorizou 8,37%. Até o momento, foram 14 fechamentos positivos contra sete negativos. O índice terminou julho com 65.820,36 pontos.

Após 165 pregões em 2017, o indicador acumular uma valorização de 18,43%. Já foram 83 pregões negativos contra 82 positivos. Em 2016, o Ibovespa fechou com 60.227,29 pontos.

Influência

A instabilidade política causada pelo míssil lançado pela Coreia do Norte sobre o território japonês movimentou a bolsa no começo do dia, indicando uma aversão ao risco. Ao mesmo tempo, no contexto interno, os investidores aguardavam pela aprovação no Congresso das novas metas ficais do governo e da TLP, a nova taxa de juros do BNDES.

Deixe um comentário