Exclusivo: Empiricus recomenda que investidores fiquem fora do IPO da Camil

Google+ LinkedIn

Nesta semana, o grupo Camil se prepara para realizar uma nova tentativa de abertura de capital na bolsa de valores brasileira (IPO, na sigla inglês). A previsão é de um IPO bilionário.

Esta será a segunda tentativa da Camil em abrir capital na bolsa. Em 2011, a grupo desistiu de realizar o IPO diante da situação do mercado na época. Para o analista Bruce Barbosa, da Empiricus, é o momento certo para a empresa tentar novamente. “Afinal, as ações estão nas máximas históricas”, afirma.

A estimativa do mercado é que o preço por ação da Camil (CAML3) será entre R$ 10,50 e R$ 13. Para a Empiricus, não parece ser uma enorme barganha e o analista recomendada que os investidores fiquem fora do processo. “Não vejo grande impacto no mercado com o IPO da Camil”, indica Bruce e reforça que “não parece uma enorme oportunidade por este preço”.

Com relação às expectativas com o IPO, que faz parte de uma revitalização das ofertas de ações no mercado nacional, Bruce é enfático. “A Camil parece ser uma empresa sólida com objetivos claros e consistentes”, diz. Porém, de acordo com ele “a companhia vai se beneficiar por custos de financiamento menores, mas não vemos enormes oportunidades futuras”, ressalta.

O processo de IPO consiste na venda de uma parte da empresa para acionistas no geral e o principal objetivo é a captação de recursos, o que possui vantagens e desvantagens. A Empiricus aponta o risco. “A companhia foca em melhorar sua marca e procura crescer comprando competidores, mas este crescimento abre um risco grande de que uma aquisição não funcione e derrube as margens”, alerta.

O IPO da Camil está previsto para acontecer ainda esta semana e o período de reserva de ações está aberto até amanhã (20), quarta-feira. O valor mínimo para participar da oferta será de R$ 3 mil e o máximo R$ 1 milhão.

Camil adia data de fixação do preço da ação na oferta para próxima semana

Veja a opinião da Suno Research sobre o IPO da Camil

Bruna Calazans é repórter ADVFN e estudante de Jornalismo pela Universidade Anhembi Morumbi. Também é responsável pelas colunas Balança Comercial, Mercado Diário, Análise Criptomoedas e Carteira Recomendada. Contato: brunac@advfn.com.br

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.