Com precificação e reabertura de bônus, JBS cai mais de 2%

LinkedIn

Após o anuncio da abertura de notas com vencimento em 2026, as ações da JBS (BOV:JBSS3) passaram a operar em queda na tarde desta terça-feira.

Por volta das 15h40, as ações caíam 2,34%, a R$ 15,85.

Na manhã desta terça, a JBS informou que precificou US$ 1 bilhão em bônus com vencimento em 2029, com taxa de 6,5%, pela JBS USA Lux S.A., JBS USA Finance, Inc e JBS USA Food Company, subsidiárias integrais da companhia.

De acordo com o fato relevante, as ‘Notas 2029’ serão garantidas pela empresa, que pretende utilizar os recursos da transação para o pré-pagamento do saldo de bônus que expiram em 2021 da JBS USA e amortização do Term Loan.

JBS também disse no documento que realizou a reabertura de bônus para janeiro de 2026, conforme anunciado ao mercado em 18 de outubro de 2018, no valor total de US$ 500 milhões, por meio de sua subsidiária integral JBS Investments.

“A taxa de retorno (yield) da reabertura foi de 6,72% ao ano, em decorrência principalmente de uma sobredemanda de mais de 4,0 vezes o valor inicialmente pretendido”, de acordo com a empresa.

As ‘Notas 2026’ serão garantidas pela JBS S.A., que disse que pretende utilizar os recursos da transação para alongamento do perfil de vencimento de suas dívidas, por meio do pagamento de dívidas com vencimento em prazo mais curto.

Deixe um comentário