Bom dia ADVFN - Dados da China e Europa mostram recuperação econômica

LinkedIn
Esse é o Bom dia, Investidor! 01 de julho de 2020, com tudo o que você precisa saber antes da Bolsa abrir!

As Bolsas europeias, que tiveram o melhor trimestre em cinco anos entre abril e junho, aceleram os ganhos, com os investidores animados com os resultados do segundo trimestre e a reabertura da economia.

Nesta manhã, foram divulgados os dados sobre desemprego na Alemanha mostram que 69 mil pessoas perderam o emprego em junho, pouco acima da metade da previsão de 120 mil vagas. Já o PMI do setor industrial apresentou um desempenho acima do esperado.

Após ter começado o dia em alta, as bolsas viraram com os casos de coronavírus disparando na Califórnia e a notícia que a Airbus vai mandar embora 15 mil pessoas.

O CSI 300 na China foi o único grande índice da Ásia que terminou o primeiro semestre de 2020 em território positivo, com alta de 1,6%. O restante dos principais mercados da região pintou um quadro sombrio de dores contínuas infligidas pela pandemia de coronavírus. Isso apesar de muitos países da do pacífico receberem elogios internacionais por seus esforços para conter a propagação do vírus.

O mercado asiático fechou o primeiro dia do semestre sem direção nesta quarta-feira. Os mercados de Hong Kong ficaram fechados por causa de um feriado. O Nikkei 225, de Tóquio, recuou 0,75% enquanto na China o índice Sanghai registrou variação positiva de 1,38%.

Uma pesquisa privada mostrou em junho a atividade industrial chinesa crescendo mais do que o esperado, com o Índice de Gerente de Compras (PMI) da Caixin / Markit chegando a 51,2 no mês passado. Os dados ficaram acima das expectativas de 50,5 dos analistas em uma pesquisa da Reuters.

No Japão, a pesquisa Tankan mostrou que o sentimento do empresariado da indústria japonesa caiu ao nível mais baixo desde 2009, em meio aos estragos nas exportações e no turismo.

Os preços do petróleo sobem forte nesta quarta-feira, depois que um relatório da indústria mostrou que os estoques de petróleo nos Estados Unidos caíram muito mais do que o esperado, sugerindo que a demanda está melhorando, à medida que o surto de coronavírus se espalha pelo mundo.

O presidente-executivo da Saudi Aramco, Amin Nasser, está confiante de que a demanda por petróleo continuará se recuperando no segundo semestre do ano, à medida que os bloqueios relacionados ao coronavírus diminuem lentamente.

O WTI (NYMEX:CL\Q20) está sendo negociado a US$ 40,45, com alta de +3,0%. Os futuros internacionais de petróleo Brent (NYMEX:BZ\U20) também operam em alta de +2,8%, negociados a US$ 42,48.
Contratos futuros do minério de ferro negociados na bolsa de Dalian fecharam queda de 2%, cotados a 742.000 iuanes, equivalente hoje a US$ 105,08.
Bitcoin é negociado em alta de +0,71% a US$ 9.175. O destaque para o ouro, que é negociado a um dos maiores níveis desde 2011, cotado em US$ 1.805 mil por onça-troy, refletindo a busca por proteção em ativos seguros (e físicos). A prata também avança.

Conheça o Telegram ADVFN e fique por dentro de tudo que acontece no mercado financeiro. 

Coronavírus

O consultor de coronavírus da Casa Branca, Dr. Anthony Fauci, disse na terça-feira que as autoridades de saúde dos EUA estão de olho em uma nova variedade de gripe transportada por porcos na China, que possui características do vírus H1N1 de 2009 e da pandemia de 1918.

O vírus, que os cientistas estão chamando de “G4 EA H1N1”, ainda não demonstrou infectar seres humanos, mas está exibindo “recursos de reagrupamento”, disse Fauci.

O mundo registra 10.485.763 de casos de coronavírus e 511.543 mortes, confirmadas hoje pela Universidade Johns Hopkins.

De acordo com o Ministério da Saúde, o Brasil confirmou 33.846 novos casos da doença, elevando o total para 1.402.041 pessoas infectadas. O ministério estima que 56,3% já tenham se recuperado, contingente que representa cerca de 790 mil pessoas. Outros 552.407 casos estão em acompanhamento.

O Brasil registrou 1.280 novas mortes por Covid-19 no boletim diário divulgado nesta terça-feira (30) pelo Ministério da Saúde. Com o acréscimo no total de mortes, o país se aproxima de 60 mil vítimas fatais da doença do novo coronavírus — 59.594.

Esta é a quinta semana consecutiva em que o Brasil ultrapassa o patamar de 1,2 mil novos registros de mortes pela Covid-19. Os picos têm sido, em geral, às terças-feiras, que refletem o acumulado do final de semana, que é processado em sua maioria nas segundas-feiras. No entanto, o número do novo boletim é menor do que o da terça-feira passada, quando foram registradas 1.374 novas mortes.

Integrantes da Organização Pan-Americana de Saúde, braço regional da OMS, disseram ontem que o pico da epidemia da Covid-19 no Brasil pode acontecer em agosto, com mais de 80 mil mortes.

Brasil

O economista Carlos Alberto Decotelli pediu demissão hoje do Ministério da Educação, cinco dias depois de ser escolhido pelo presidente Jair Bolsonaro. Ele nem sequer chegou a tomar posse. Decotelli teve que sair depois de ter o currículo contestado por universidades da Argentina e da Alemanha. Decotelli disse em entrevista à CNN ter sido alvo de uma “destruição de reputação”, e defendeu seu currículo das críticas que vem recebendo….

O governo anunciou a prorrogação do auxílio emergencial, destinado a trabalhadores informais e beneficiários do Bolsa Família. Segundo o ministro da Economia, Paulo Guedes, a proposta é que sejam pagas mais quatro parcelas ao longo de dois meses, totalizando R$ 600 por mês…

A União Europeia vai reabrir as fronteiras para 14 países a partir desta quarta-feira (1º). Das Américas, apenas viajantes do Uruguai e Canadá foram contemplados. Já a China conseguiu autorização, mas com a condição de que também libere as viagens de europeus ao território chinês. Estados Unidos e Brasil continuam barrados…

Após cinco tentativas e uma sessão de quase quatro horas, o Senado Federal aprovou, na noite desta terça-feira (30), por 44 votos a 32, o texto-base do projeto de lei 2630/20, que busca “instituir a Lei Brasileira de Liberdade, Responsabilidade e Transparência na Internet”, conhecido como projeto das Fake News…

O ministro Gilmar Mendes foi o escolhido para julgar no Supremo Tribunal Federal ação do Ministério Público do Rio contra o foro privilegiado concedido ao senador Flávio Bolsonaro no inquérito das rachadinhas e solicitou informações à 3ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro sobre a decisão. Na semana passada, o Tribunal de Justiça do Rio decidiu que Flávio tem direito ao foro por prerrogativa de função e enviou o inquérito para a segunda instância…

A Câmara dos Deputados aprovou, na noite da terça-fera, medida provisória que autoriza a diminuição de proteção cambial a variações do dólar a bancos com investimentos no exterior. A MP determina, entre outros pontos, tributação a partir de 2021 sobre a variação cambial do investimento protegido pela cobertura (hedge), o que torna desnecessário que a instituição faça uma proteção com valor excedente. A MP agora segue para o Senado…

A Polícia Civil e o Ministério Público, com o apoio do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro, cumprem 14 mandados de busca e apreensão em casas de empresários e funcionários ligados a uma construtora e em residências de ex-diretores de uma estatal na manhã desta quarta-feira (1º). A Operação Águas Claras investiga fraudes em licitações e possível pagamento de propina a agentes públicos, ex-diretores da estatal e em prefeituras do interior estado do Rio de Janeiro…

Ibovespa e dólar de ontem

O Ibovespa fechou o último pregão do semestre em queda de -0,71%, aos 95.055,82 pontos, com volume fraco, de R$ 27,3 bilhões. Em junho, o índice acumulou valorização de 8,76%. O Ibovespa subiu 27,35% de abril a junho de 2020, melhor performance trimestral desde os últimos três meses de 2003, quando o índice ganhou 39,66%.

Maiores altas do Ibovespa
TOTS3 +3,26% R$ 23,15
TIMP3 +3,12% R$ 14,20
GOAU4 +2,67% R$ 7,30
QUAL3 +2,51% R$ 29,00
UGPA3 +2,11% R$ 18,38

Maiores baixas do Ibovespa
IRBR3 -11,72% R$ 11,00
ITUB4 -3,89% R$ 25,45
EMBR3 -3,80% R$ 8,10
BBAS3 -3,77% R$ 32,18
SANB11 -3,55% R$ 28,02

Após a diretoria não confirmar os dividendos em teleconferência com analistas, IRB foi o destaque negativo do dia e do semestre, após despencar -71,80%. A Líder do semestre foi a B2W com alta de 70,30%. No trimestre, a liderança e grande destaque da pandemia foi a Via Varejo, com alta de 180,92%.

A volatilidade dominou o câmbio, que teve fechamento de Ptax e de venda de US$365 milhões em leilão à vista.O dólar à vista fechou em leve alta de 0,25%, em R$ 5,4402. A moeda brasileira foi a pior entre os emergentes no semestre. Em junho, a moeda teve alta de +1,90% e em 2020, forte alta de +35,56%.

Ranking semestral dos principais investimentos

– Ouro (BM&F): +52,97%
– Dólar Comercial: +35,56%
– CDI: +1,75%
– Poupança: +1,26%
– Fundos Imob. (IFIX): -12,25%
– Ações (Ibovespa): -17,80%

Agenda Econômica

A agenda do dia está repleta de indicadores e eventos econômicos relevantes. Aqui e no exterior, saem as leituras finais dos índices PMI sobre a atividade industrial na zona do euro e nos EUA.

Na China, o índice dos gerentes de compras (PMI) medido pelo Caixin confirmou a melhora da atividade industrial apontada ontem pelo dado oficial e subiu a 51,2 em junho, de 50,7 em maio.

Os dados de emprego também estarão em destaque, com a taxa de desemprego na Alemanha e a pesquisa de vagas no setor privado americano da ADP. O indicador serve de prévia para o número oficial do governo americano, o Payroll, que será antecipado para quinta-feira por conta do feriado do Dia da Independência.

À tarde (15h), merece atenção a ata da última reunião do Federal Reserve, quando foram divulgadas, pela primeira vez neste ano, as projeções da autoridade monetária para as principais variáveis macroeconômicas dos EUA. Na ocasião, o Fed também assegurou que os estímulos monetários seguirão no ritmo atual e em larga escala.

A agenda doméstica é importante para o câmbio, com o fluxo semanal, negativo em US$ 2,9 bilhões até o dia 19/6, e a balança comercial de junho, com previsão mediana de um superávit de US$ 7,1 bilhões. O calendário também reserva o índice de preços ao produtor (PPI) em maio e dados privados sobre a indústria nacional e o setor automotivo.

🗓 AGENDA ECONÔMICA 🗓 01/07

🇩🇪 Variação nas vendas no varejo mensal (03h00)
🇩🇪 Taxa de desemprego mensal (04h55)
🇩🇪 PMI industrial mensal (04h55)
🇪🇺 PMI industrial mensal (05h00)
🇬🇧 PMI industrial mensal (05h30)
🇧🇷 Índice IPC-S semanal (08h00)
🇧🇷 Índice de preços ao produtor mensal (09h00)
🇺🇸 Variação de empregos privados ADP mensal (09h15)
🇧🇷 PMI industrial mensal (10h00)
🇺🇸 PMI industrial mensal (10h45)
🇺🇸 PMI ISM industrial mensal (11h00)
🇺🇸 Índice ISM de emprego manufatureiro (11h00)
🇺🇸 Variação de gastos com construção mensal (11h00)
🇺🇸 Federal Reserve – Discurso do diretor Charles Evans (11h00)
🇺🇸 Variação de estoques de petróleo EIA (11h30)
🇧🇷 Fluxo cambial semanal (14h30)
🇧🇷 Índice de commodities IC-Br mensal (14h30)
🇧🇷 Balança comercial mensal (15h00)
🇺🇸 Federal Reserve – Ata da reunião do FOMC (15h00)
🇷🇺 Rússia – Votação de referendo para ampliar mandato do presidente Putin (18h00)

 

Deixe um comentário