GP Investments fará uma oferta pública de distribuição primária de certificados de depósito de ações (BDRs

LinkedIn

A GP Investments fará uma oferta pública de distribuição primária de certificados de depósito de ações (BDRs) da sua controlada G2D Investments. Segundo a empresa, os papéis serão emitidos pelo Banco Bradesco. Cada certificado é representativo de uma ação ordinária classe A de emissão da G2D Investments, controlada pela Companhia.

A G2D também apresentou pedido de registro de emissor estrangeiro categoria A perante a CVM. Depois, a empresa vai pedir admissão de suas ações ordinárias classe A representativas dos BDRs à negociação na Bolsa de Valores de Bermudas (Bermuda Stock Exchange – BSX).

Segundo comunicado, a G2D é uma companhia de investimentos que terá como alvo principalmente investimentos minoritários em empresas de tecnologia.

CENTRAL DE IPO – Confira todas as empresas que fizeram pedido ou deram entrada para realização de IPO…

A lista de empresas que miram uma abertura de capital em setembro e outubro já inclui mais de 40 empresas. Perto do fim do prazo para protocolar o pedido de IPO (oferta inicial de ações, na sigla em inglês) nos próximos dois meses, novas empresas entraram na fila de estreias na B3, a Bolsa paulista.

Investimentos

A G2D é uma companhia de investimentos que terá como alvo principalmente investimentos minoritários em empresas tech-enabled que desenvolveram tecnologias disruptivas e que operam em grandes mercados, lideradas por times de gestão excepcionais e com claras vantagens competitivas.

Segundo a empresa, a G2D nasce com um portfólio geograficamente diversificado. A empresa tem plataformas que permitem perseguir novas oportunidades de investimento em companhias sediadas na Europa, nos EUA e Brasil.

A oferta brasileira foi aprovada em reunião do Conselho de Administração da G2D realizada em 2 de setembro.

Mas outros detalhes sobre a oferta ainda não foram divulgados. Segundo a GP Investments, futuramente serão fixados o volume da oferta e o preço de subscrição dos BDRs.

Por fim, a oferta está sujeita à concessão dos registros aplicáveis pela CVM e às condições de mercado.

Deixe um comentário