Corretora cripto Binance processa Forbes por difamação

LinkedIn

Nessa quarta-feira (18), a corretora cripto Binance enviou um processo judicial por difamação contra a Forbes Media e dois de seus escritores a um tribunal de Nova Jersey.

acusação é em resposta a um artigo recente da Forbes, publicado pelos escritores Michael del Castillo e Jason Brett, que afirmavam que a Binance “estabeleceu uma elaborada estrutura corporativa criada para intencionalmente enganar reguladores”, dentre outras alegações.

“A Binance não viola e cumpre completamente com todas as leis, regras e regulamentações aplicáveis em suas operações”, segundo o processo. “A Binance não busca fugir ou ‘contornar’ quaisquer entidades regulatórias em nenhuma jurisdição.”

Binance alega que “milhões de dólares” em perdas por conta da história da Forbes. Como resultado, a corretora está buscando por danos compensatórios e punitivos em uma quantia a ser comprovada no tribunal.

Em busca de justiça

Um porta-voz contou ao The Block que a corretora enviou a acusação para proteger sua reputação e buscar por justiça.

“Essa acusação visa buscar por justiça em acusações falsas e difamatórias que resultaram em grandes danos reputacionais e empresariais, incluindo uma deturpação de nossas verdadeiras ações e intenções de boa-fé e operações dentro dos limites da lei”, afirmou o porta-voz.

Continuou a explicar que a Binance não é contra a liberdade de expressão e imprensa.

“Essa acusação não é um reflexo contra nosso valor principal e nossa crença na liberdade, e sim a garantia da verdade e justiça. Queremos assegurar a vocês [The Block] e à imprensa de que esse processo não representa ameaças a reportagens sobre a Binance. Nós e quaisquer participantes importantes da indústria precisamos que a imprensa nos considere responsáveis e forneça informações ao público”, explicou o porta-voz.

Para fins de esclarecimento, a Binance havia ameaçado processar o The Block sobre um artigo que afirmava que o escritório em Shanghai havia sido interditado após uma visita da polícia chinesa.

Representação por Charles Harder

No caso contra a Forbes, Binance está sendo representada pelos advogados Peter Pizzi e Selina Ellis do escritório de advocacia Walsh Pizzi O’Reilly Falanga LLP, bem como pelo advogado de litígio de imprensa Charles Harder do Harder LLP.

Harder já representou personalidades como o atual presidente americano Donald Trump e a primeira-dama Melania Trump, bem como Hulk Hogan no caso Gawker Media.

Ele também representou Harvey Weinstein por um tempo, em um possível processo contra o jornal New York Times, mas o caso não foi adiante.

Sobre o processo da Binance, Harder disse: “Binance exigiu que a Forbes se retratasse ou corrigisse, mas se recusou. Assim, esse processo se faz necessário. Binance visa ir até o fim com essa acusação para garantir a verdade e proteger sua reputação.

Traduzido e editado por Daniela Pereira do Nascimento

Deixe um comentário