Bolsas Mundiais recuam em meio à cautela nos mercados globais

LinkedIn

ÁSIA: As principais bolsas asiáticas fecharam majoritariamente em baixa nesta segunda-feira, com a China mantendo sua taxa básica de juros (LTR) de um ano inalterada em 3,85% no fim de semana, em linha com as expectativas em uma pesquisa instantânea da Reuters e a LPR de cinco anos também se manteve estável em 4,65%. A LPR é uma taxa de referência para empréstimos fixada mensalmente por 18 bancos chineses.

As ações da China Continental lideraram as perdas entre os principais mercados da região, com o Shenzhen Component caindo 3,07%, para 15.336,05 pontos, enquanto o composto de Xangai recuou 1,45%, para 3.642,44 pontos. O índice Hang Seng de Hong Kong caiu 106%.

O Kospi da Coreia do Sul fechou em queda de 0,9%, em 3.079,75 pontos.

O S & P / ASX 200 da Austrália encerrou seu dia de negociação 0,19% menor, em 6.780,90 pontos, apesar de um dia altamente positivo para as mineradoras. BHP subiu 3,8%, Fortescue Metals avançou 3,4% e Rio Tinto fechou em forte alta de 4,1%. Em sentido contrário as produtoras de petróleo sucumbiram. Santos caiu 0,9% e Woodside Petroleum recuou 1%.

No Japão, o Nikkei contrariou a tendência regional, subindo 0,46% para fechar em 30.156,03 pontos, enquanto o índice Topix encerrou seu dia de negociação em alta de 0,49%, em 1.938,35 pontos.

O índice MSCI para a Ásia-Pacífico exceto Japão fechou 0,96% menor.

EUROPA: As bolsas europeias recuam na segunda-feira, em meio à cautela nos mercados globais.

A abertura sem brilho reflete a tendência estabelecida nos EUA e na Ásia. Alguns investidores em ações ficaram preocupados com o rápido aumento dos rendimentos dos títulos nas últimas semanas. O aumento dos rendimentos dos títulos geralmente reflete a confiança do mercado de que uma recuperação econômica está próxima, após a pandemia do coronavírus.

O pan-índice Stoxx 600 cai 0,81%. O francês CAC 40 recua 0,66%, o espanhol IBEX 35 recua 0,72%, enquanto o FTSE MIB da Itália cai 0,85%.

Em Londres, o FTSE 100 cai 0,78%. Entre as mineradoras listadas na LSE, Antofagasta sobe 0,4%, BHP avança 0,6%, enquanto Anglo American cai 1,6% e Rio Tinto perde 0,9%. Entre as gigantes petrolíferas, BP cai 0,3% e Royal Dutch Shell sobe 0,1%.

O índice de clima de negócios do IFO para a Alemanha subiu para 92,4 em fevereiro, ante 90,3 em janeiro, continuando um padrão de gangorra nos últimos cinco meses. Economistas previam uma leitura de 90,5. Tanto os índices de condições atuais quanto as expectativas avançaram. O DAX 30 alemão cai 0,65%.

Os desenvolvimentos em torno da pandemia e do lançamento da vacina continuam em foco. O Reino Unido deve detalhar nesta segunda-feira como planeja suspender as medidas de bloqueio gradualmente nos próximos meses, à medida que a implementação da vacinação mantém um bom ritmo.

EUA: Os futuros dos índices de ações caem nas negociações matinais de segunda-feira, depois que o S&P 500 registrou sua primeira baixa em três semanas.

O movimento em futuros veio depois que o S&P 500 e o Nasdaq Composite quebraram uma sequência de duas semanas de alta, com perdas de 0,7% e 1,6%, respectivamente, na semana passada. O Dow registrou um ganho de 0,1% no mesmo período.

Analistas de mercados estão preocupados com o rápido aumento dos rendimentos dos títulos nas últimas semanas, pois a alta pode prejudicar especialmente as empresas de alto crescimento que dependem de empréstimos como as “techs” e varejistas, ao mesmo tempo que diminuem o apetite por ações. Enquanto isso, muitos em Wall Street acreditam que o salto nos rendimentos dos títulos reflete um sinal de crescente confiança na recuperação econômica e as ações devem ser capazes de absorver taxas mais altas em meio à fortes lucros.

O rendimento do Tesouro de 10 anos saltou 14 pontos-base na semana passada para 1,34%, perto de seu nível mais alto desde fevereiro de 2020. Até o momento, neste mês, a taxa de referência subiu 25 pontos-base.

O mercado está se encaminhando para a última semana de fevereiro com sólidos ganhos. O Dow e o S&P 500 subiram mais de 5% neste mês, enquanto o Nasdaq subiu 6,2%. O Russell 2000, índice que agrupa small caps teve um desempenho superior com um ganho de 9,3% neste mês.

Sobre a pandemia, a Casa Branca disse que espera despachar milhões de doses atrasadas da vacina contra o coronavírus nesta semana, depois que uma forte tempestade de inverno interrompeu a logística. O governador Andrew Cuomo disse no domingo que um residente de Nova York testou positivo para a variante de Covid-19 identificada pela primeira vez na África do Sul.

Na agenda econômica, o CB Leading Index ou Índice de Indicadores Antecedentes, relatório que compreende 10 índices já divulgados no país e que resumem a situação da economia americana e servem como prévia para o desempenho da economia, será divulgado às 12h00.

ÍNDICES FUTUROS – 7h20:
Dow: -0,56%
SP500: -0,69%
NASDAQ: -1,10%

COMMODITIES:
MinFe Dailan: +1,74%
Brent: +0,84%
WTI: +0,76%

OBSERVAÇÃO: Este material é um trabalho voluntário, resultado da compilação de dados divulgados em diversos sites da internet que são aqui resumidos de maneira didática para facilitar e agilizar a compreensão do leitor. O texto da sessão asiática está no tempo passado, enquanto a europeia e a americana estão no presente devido ao horário em que este relatório é redigido. Atentem-se para o horário de disponibilização dos dados. O texto não é indicação de compra ou venda de ativos.

Deixe um comentário