O BTG Pactual reafirmou sua recomendação de compra para as ações do Méliuz, porém, ajustou o preço-alvo de R$ 18 para R$ 10, adotando uma abordagem mais conservadora em suas estimativas. Apesar dessa revisão, o novo preço-alvo ainda representa um potencial de valorização de 66,6% em relação ao último fechamento.

Os analistas do BTG, Ricardo Buchpiguel, Eduardo Rosman e Thiago Paúra, observaram que as ações do Méliuz (BOV:CASH3) tiveram um desempenho significativamente inferior ao do Ibovespa neste ano, com uma queda de cerca de 50%. Além disso, o preço das ações também caiu quase 40% desde o pico registrado em agosto.

Dentre os fatores que afetaram negativamente o desempenho, destacaram o anúncio de que o Méliuz seria retirado do Ibovespa, o adiamento do Dia do Investidor da empresa e preocupações sobre a saúde financeira de alguns clientes relevantes no comércio eletrônico.

Apesar das revisões e desafios recentes, o BTG Pactual ainda mantém uma perspectiva positiva para o Méliuz e continua a recomendar a compra das ações da empresa.

Meliuz S.A ON (BOV:CASH3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Mar 2024 até Abr 2024 Click aqui para mais gráficos Meliuz S.A ON.
Meliuz S.A ON (BOV:CASH3)
Gráfico Histórico do Ativo
De Abr 2023 até Abr 2024 Click aqui para mais gráficos Meliuz S.A ON.