Índice

Criar Discussão

Atualizar

Usuários Filtrados

Usuários Banidos

Meus Alertas

Meu Perfil

Busca

Regras

Atenção Acionistas Da Fertilizantes Heringer (FHER3)

artuso
  • Dono
  • 153
  • 22/02/2007

Acho que há explicação p/ a expressiva alta da ação. Vamos ficar atentos, pois o futuro nos parece promissor.

http://www.paginarural.com.br/noticias_detalhes.asp?subcategoriaid=39&id=65164

São Paulo: venda de adubo no país no trimestre cresce 34%



São Paulo/SP - A agricultura brasileira já consumiu neste primeiro trimestre 34% mais fertilizantes que no mesmo período do ano passado. Até março, foram 4,2 milhões de toneladas, segundo estimativas do mercado. A demanda da cana-de-açúcar e a antecipação das compras para safrinha de milho foram as principais razões. A partir do bom desempenho do trimestre, o setor projeta atingir este ano vendas semelhantes as de 2004, quando o mercado brasileiro absorveu 22,7 milhões de toneladas de adubo, segundo informações da Associação Nacional para Difusão de Adubos (Anda). O volume é 8,5% maior que o de 2006.

Apesar das boas vendas, a alta de preços fez o produtor retrair compras em meados de março, segundo o diretor-executivo da Anda, Eduardo Daher. Estimativa da Associação dos Misturadores de Adubo do Brasil (AMA Brasil) é de que o produto teve preço elevado em até 50% desde dezembro. "A demanda, que vinha embalada desde outubro, com entregas recordes, encontrou preços muito altos e arrefeceu", conta Daher. Ele explica que o motivo da alta se deve ao aquecimento da demanda mundial pelo produto em outros países grandes produtores, como Estados Unidos, China e Índia.

Os volumes movimentados até agora ainda não incluem a safra de soja, maior consumidora de adubos, com 34% da demanda do setor. Assim, o primeiro semestre, que concentra 35% do faturamento desse mercado, deve aumentar sua participação por conta dos grãos e da agroenergia, que inclui além da cana-de-açúcar, também mamona, girassol e outras matérias-primas.

Em 2007, a soja deve continuar liderando a demanda por fertilizantes no Brasil. Mas, a segunda posição, até então ocupada pelo milho, deverá ser da cana-de-açúcar, segundo Daher. Em 2006, ambos as culturas registraram aumento de 13% no consumo de fertilizantes. "Mas, os preços do grão no segundo semestre podem desestimular novas áreas de plantio".


Fabiana Batista



Data: 3/4/2007 - 09:50
Fonte: Gazeta Mercantil



  • 15 Mai 2007, 17:52
  • Tweet
Ativos Discutidos
BOV:FHER3 18.61 2.3%
Fertilizantes Heringer Sa
Fertilizantes Heringer Sa
Fertilizantes Heringer Sa
Índices Mundiais
Alemanha -0.6%
Austrália 0.1%
Brasil 0.6%
Canadá -0.7%
EUA (Dow Jones) -0.2%
EUA (NASDAQ) -1.9%
França -0.4%
Grécia 0.5%
Holanda -0.8%
Inglaterra -0.1%
Itália -0.4%
Portugal -0.1%
Maiores Altas (%)
BOV:DMMO1 0.03 50.0%
BOV:CASH3 3.42 31.0%
BOV:CSRN6 19.00 29.3%
BOV:CRPG5 68.79 21.8%
BOV:RCSL3 4.49 15.1%
BOV:HBSA3 3.06 14.6%
BOV:XPHT12 42.98 14.2%
BOV:M1TD34 859 12.9%
BOV:ONCO3 9.35 12.1%
BOV:SEQL3 10.80 11.9%
Seu Histórico Recente
BOV
VALE5
Vale PNA
BOV
IBOV
iBovespa
BOV
PETR4
Petrobras
BOV
IGBR3
IGB SA
FX
USDBRL
Dólar EUA ..
Ações já vistas aparecerão nesta caixa, facilitando a volta para cotações pesquisadas anteriormente.

Registre-se agora para criar sua própria lista de ações customizada.

Ao acessar os serviços da ADVFN você estará de acordo com os Termos e Condições

P: V: D:20211203 23:23:53