Índice

Criar Discussão

Atualizar

Usuários Filtrados

Usuários Banidos

Meus Alertas

Meu Perfil

Busca

Regras

Weg: Gigante Nacional, Em Breve Blue Chip (WEGE3)

maspimentel
  • Dono
  • 9832
  • 05/06/2007

Moderador: hendrixx, maspimentel, formigoni, augustolugo, gmfreitas, gmatu, sard1nes 77, migu, cemecor, spgs, marsilva2007, corteil, maspimentel

OBS: ESTE POST É PARTE DO MEU POST CENTRAL SOBRE "ANÁLISE FUNDAMENTALISTA".
http://br.advfn.com/p.php?pid=fbb_thread&bb_id=11&id=1225048


CAROS AMIGOS,

TENHO ACOMPANHADO WEGE3 DESDE SEUS 12,00 REAIS MESES ATRÁS, HOJE NOS 25,00... SUBIU 96,30% ESTE ANO. EMPRESA SÓLIDA, INTERNACIONALIZADA, LUCRATIVA HÁ MUITOS ANOS, MUITO BEM ADMINISTRADA E ÉTICA COM O PEQUENO ACIONISTA.

NÃO TENHO DÚVIDAS DE QUE EM BREVE ESTARÁ COM ALTA LIQUIDEZ NO PATAMAR DAS BLUE CHIPS. FAZ PARTE DE TODOS OS CLUBES DA GERAÇÃO FUTURO E DA MINHA HUMILDE CARTEIRA. LÍDER NACIONAL NO SEU RAMO E NO SETOR INDUSTRIAL É A SEGUNDA AÇÃO MAIS LÍQUIDA (DEPOIS APENAS DA EMBRAER).

EMPRESA QUE ME DÁ ORGULHO DE SER BRASILEIRO, COM UM EXCELENTE SETOR DE RELACIONAMENTO COM OS INVESTIDORES. SEGUEM AS ÚLTIMAS NOTÍCIAS DA WEG QUE ME FORAM ENCAMINHADAS PELA GERAÇÃO FUTURO:

Código da Ação WEGE3
Preço atual – 22/10/07 R$ 23,60
Preço justo – Dez’08 R$ 30,36
Potencial de Valorização – Dez’08 28,6%
Valor de mercado (R$ milhões) 14.576
Governança/ Tag Along NM / 100%

TESE DE INVESTIMENTO

· A Weg tem um modelo profissional de gestão do negócio, servindo
como benchmarking para inúmeras outras empresas ;
· Empresa é verticalizada e integrada, o que lhe garante confiabilidade
no processo produtivo, ganhos operacionais nas atividades e nos
segmentos em que atua;
· Tem acesso a diferentes segmentos em diferentes mercados do
setor de energia elétrica, com perspectivas positivas de crescimento
acelerado em todos eles ;
· Sua estratégia está focada em um forte processo de
internacionalização, com capacidade de incrementar
acentuadamente suas receitas em outras moedas ;
· A tecnologia empregada em seus produtos é de ponta e passam por
constante atualização, capaz de competir com grandes empresas
multinacionais ;
· Seus negócios são orientados através da criação de valor no
decorrer dos anos ;
· Grande variedade no seu mix de produtos, que facilita a
recomposição de preços nas suas vendas.

A Weg divulgou nesta terça-feira, dia 23 de Outubro, após o
encerramento do pregão, seu resultado referente ao 3T’07. Seu
excelente resultado no trimestre é fruto de um cenário positivo
para a empresa. Seus segmentos de atuação continuam com
demanda aquecida, com especial atenção para aquela que atende
ao setor de geração, transmissão e distribuição, que representou
24,7% do total do faturamento bruto.

Receita Líquida: no mercado externo seu crescimento foi de
34,3% em US$ quando comparado ao 3T’06 enquanto que no
mercado interno o aumento foi de 42,1%, proporcionando um
crescimento consolidado bruto de 32,7%. As exportações da Weg
atingiram 35,6% do total. Sua receita líquida cresceu 26,6% em
relação ao 3T’06 e totalizou R$ 1.003,1 milhões, 5,7% acima de
nossa expectativa de R$ 949,0 milhões. No acumulado dos 9M,
sua receita líquida cresceu 24,9% e atingiu R$ 2.727,3 milhões.

Nossa expectativa nos 9M era de R$ 2.673,3 milhões.
Margem Bruta: sua margem bruta também cresceu e ganhou
2,9 p.p. em relação ao 3T’06, tendo alcançado 37,4%. Neste
trimestre o lucro bruto foi influenciado por uma revisão nas
estimativas de utilização de alguns ativos, que acarretaram em
maiores custos de depreciação, o que fez com que, em relação ao
2T’07, a margem retrocedesse 2,4 p.p. No entanto a companhia
opera consistentemente dentro de seu histórico de margem bruta.
Nossa expectativa inicial era de uma margem de 40,6% neste
trimestre. Nos 9M, a margem bruta atingiu 38,0%, contra uma
margem nos 9M’06 de 35,0%.

EBITDA e Margens: o ebitda da Weg cresceu significativos
51,0% quando comparado com 3T’06 e atingiu R$ 260,7 milhões.
Refletindo o ótimo crescimento nas receitas e melhor controle dos
custos e despesas, sua margem alcançou 26,0%. Nossa
expectativa era de um ebitda de R$ 262,0 milhões, e margem de
27,6%. Nos 9M, o ebitda atingiu R$ 691,3 milhões, superando em
45,6% aquele registrado nos 9M’06. Sua margem acumulada
alcançou 25,0%.

Lucro Líquido: O lucro líquido do 3T’07 superou em 18,8% o do
3T’06 e atingiu R$ 157,0 milhões. Nossa expectativa era a
apresentação de um lucro líquido de R$ 169,4 milhões, 7,3%
acima que o apresentado. Nos 9M, o lucro líquido foi 18,3%
superior ao de igual período de ’06 e atingiu R$ 436,9 milhões.

Endividamento: a posição de caixa líquido da companhia
permanece bastante robusto, com saldo de R$ 321,9 milhões,
62,2% maior que o mesmo período de ’06.

Investimentos: os investimentos no 3T’07 atingiram R$ 70,3
milhões, sendo 86,9% investidos no Brasil. O orçamento para ’07
permanece em R$ 260,0 milhões, ficando programados para o
último trimestre de 07 cerca de R$ 42,1 milhões.


WEG
Controlador: Weg Participações
Relações com Investidores: Alidor Lueders e
Luis Fernando Moran de Oliveira

Neste trimestre a companhia ultrapassou pela primeira vez a marca
de R$ 1,0 bilhão de faturamento líquido, fato que havia ocorrido no
2T’07 com relação à sua receita bruta, fruto do crescimento
acelerado dos mercados em que atua.
Com o forte desempenho do segmento de GTD, que tem
demonstrado ainda grande potencial de crescimento, a Weg vem se
posicionando cada vez de maneira mais consistente, o que resultou
no 3T’07 na aquisição de 51,0% do capital social da HISA –
Hidráulica Industrial SA. Essa aquisição lhe proporcionará um
melhor aproveitamento das sinergias criadas pelo mercado de
PCHs.
Além disso, dentro da mesma estratégia, adquiriu um imóvel de
222,0 mil m2, com área fabril e administrativa já construída, no
Distrito Industrial de Itajaí. A aquisição será voltada para o
fabricação de transformadores industriais a seco, da montagem de
painéis elétricos para automação e linhas de fabricação de fios de
cobre para produtos de alta tensão.
No âmbito internacional, anunciou mais uma subsidiária, desta vez
em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos. Será responsável pela
distribuição dos produtos Weg e pela assistência técnica em uma
região extremamente promissora impulsionada pelo mercado
aquecido do petróleo.
Foi anunciado neste 3T’07 a saída do atual presidente executivo da
companhia, Décio da Silva, que será substituído por Harry
Schmelzer Jr. A substituição ocorrerá em janeiro de ’08, sendo que
o atual presidente permanecerá atuante como membro do conselho
de administração. Vemos a substituição como um prosseguimento
de um processo iniciado há anos de sucessão dentro da empresa.
Entendemos que o resultado da Weg foi excelente e que além dos
números apresentados, a companhia demonstra a consistência de
seu negócio.
A companhia realizará teleconferência de resultados na segunda
feira, dia 29 de outubro de 2007, as 11:00.


WEG S.A.
CNPJ/MF: nº 84.429.695/0001-11
NIRE nº 42.300.012.203
Companhia Aberta
Avenida Prefeito Waldemar Grubba, 3300 – Jaraguá do Sul

WEG anuncia estimativas de Crescimento da Receita Bruta e Investimentos para 2008

· Crescimento anual de aproximadamente 20% na Receita Bruta em 2008;

· Programa de Investimentos em Expansão de Capacidade deve atingir R$ 520
milhões, com destaque para fundição, estamparia e fábrica de hidrogeradores.

Jaraguá do Sul, 20 de dezembro de 2007 - A WEG S.A. (Bovespa: WEGE3) informa a conclusão do
seu processo de planejamento empresarial para o ano de 2008. Neste processo foram adotadas como premissas o crescimento de 4,3% para o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro e 4,4% do produto mundial ao longo do próximo ano. Considerou-se que a taxa de média de câmbio ao longo de 2008 manter-se-á em patamares próximos aos atuais.
Para os mercados onde atuamos acreditamos na continuidade das tendências observadas ao longo dos últimos anos, tais como: (i) a crescente importância da eficiência energética como fator de aumento da demanda pelos nossos produtos e (ii) necessidade de investimentos contínuos em geração, transmissão e distribuição de energia elétrica no Brasil e em outros países onde já possuímos presença. Estas são tendências de longo prazo e que deverão permanecer como fontes de oportunidades de crescimento e desenvolvimento.

Ao mesmo tempo, mantemos nossa estratégia de contínua elevação do conteúdo tecnológico agregado aos nossos produtos. Acreditamos que poderemos fortalecer nossa posição competitiva através de ganhos adicionais de participação de mercado, principalmente no exterior.

Com base nessas premissas macroeconômicas e do nosso mercado de atuação, estimamos poder
atingir em 2008 taxa de crescimento de receita bruta consolidada ao redor de 20% em relação a 2007. Para possibilitar esta expansão de vendas estimamos realizar investimentos totais de R$ 520 milhões na ampliação e modernização de parques fabris em 2008. Mantemos flexibilidade em nosso programa de investimentos, o que nos permite realizar os ajustes necessários na rapidez e no montante total a ser investido. Destacam-se os investimentos na expansão da capacidade de fundição, com o início da construção do novo parque metalúrgico, expansão da capacidade de estamparia e da nova fábrica de hidrogeradores.

O programa de investimentos deverá ser financiado através do reinvestimento da geração interna de
caixa e financiamentos com agências de desenvolvimento, como BNDES.

Sobre a WEG S/A:

Fundada em 1961, a WEG S.A. é um dos principais fornecedores mundiais de soluções eletroeletrônicas industriais sinérgicas em energia, automação, motores elétricos e tintas.
A WEG integra o Novo Mercado da Bovespa e é negociada com o código WEGE3.

Para mais informações, favor contatar:

Luís Fernando Oliveira Cristina Santos
luisfernando@weg.net cristinas@weg.net
Gerente de Relações com Investidores Comunicações Corporativas
+55 (47) 3276-6973 +55 (47) 3276-4295

As informações contidas neste comunicado incluem considerações futuras e refletem a percepção atual e perspectivas da administração sobre a evolução do ambiente macroeconômico, condições da indústria, desempenho da companhia e resultados financeiros. Quaisquer declarações, expectativas, capacidades, planos e conjecturas contidos neste documento e que não descrevam fatos históricos, tais como informações a respeito de pagamento de dividendos, à direção futura das operações, à implementação de estratégias operacionais e financeiras relevantes, programas de investimento, fatores ou tendências que afetem a condição financeira, liquidez ou resultados das operações, são considerações futuras e contemplam diversos riscos e incertezas. Não há garantias de que tais resultados venham a ocorrer. As declarações são baseadas em diversos fatores e expectativas, incluindo condições econômicas e mercadológicas, competitividade da indústria e fatores
operacionais. Quaisquer mudanças em tais expectativas e fatores podem implicar que o resultado real seja materialmente diferente das expectativas correntes.

DADOS FUNDAMENTALISTAS ATUAIS DE WEGE3:

Rentabilidade Patrimônio Líquido = 36,70%
Número de Ações (milhões) = 617,62
Cotação em 10/01/2008 (/1000 ações) = 23,97
VPA (/1000 Ações) = 2,99
LPA Exercício Anterior (/1000 Ações) = 0,81
LPA Acumulado (/1000 Ações) = 0,71
Preço/ VPA = 8,03
Preço/ Lucro = 29,44
Pay-Out (%) = 45,50
Yield (%) = 1,55
Valor de Mercado (R$ Milhões) = 14.804,00

A Weg registrou lucro líquido de R$ 157,0 milhões no 3o tri/07, 18,8% acima do verificado em igual período de 2006, quando contabilizou R$ 132,2 milhões.

O principal destaque foi a evolução comercial que seguiu bastante favorável, tendo o faturamento bruto consolidado alcançado R$ 1,2 bilhão, incremento de 32,7% ante o 3º tri/06. Por mercado de atuação, destacamos o desempenho da receita no âmbito doméstico, que alcançou R$ 785,3 milhões, relevante aumento de 42,1% em relação a jul-set/06, refletindo, principalmente, o crescimento da demanda por transformadores pelo setor de energia elétrica. Vale observar que os transformadores são produtos de valor agregado superior em relação aos motores elétricos. As exportações alcançaram R$ 433,3 milhões, incremento de 18,4%, ante igual período de 2006. Aqui os principais destaques foram os novos contratos de venda para o Chile, a Argentina, o México e a África e o repasse de parte do aumento dos custos para os preços.

A redução da contribuição das exportações, refletiu, principalmente, o aquecimento do mercado interno em especial na área de transmissão, geração e distribuição de energia, que demandam equipamentos de valor agregado elevado. Ainda em relação ao mercado interno, destacamos também o bom desempenho do segmento de motores de pequeno porte voltados para o segmento de eletrodomésticos. Apesar destes produtos terem baixo valor agregado, o volume de vendas é bastante superior comparativamente com os motores de grande porte, viabilizando ganhos de escala. Tais fatores, aliados ao aprofundamento da valorização cambial, explicam o aumento da contribuição do mercado interno vis-à-vis as exportações.

A margem bruta, de 37,4%, apresentou incremento de 2,9 p.p. em relação ao 3º tri/06, refletindo o melhor mix (visto o maior volume de vendas de equipamentos para o setor de energia elétrica), a maior diluição dos custos fixos e algum repasse do aumento dos custos para os preços. A melhora na margem bruta é relevante se considerarmos o ambiente conjuntural atual, onde a companhia convive com fatores como: pressão dos custos siderúrgicos e o efeito da valorização cambial sobre a rentabilidade das exportações. Os aspectos, comentados aliados ao controle das despesas operacionais, foram preponderantes para que registrasse geração de caixa expressa pelo conceito Ebitda de R$ 279,2 milhões, com expressivo incremento de 49% comparativamente com igual período de 2006.

A receita financeira líquida apresentou incremento de 33%, refletindo, predominantemente, o aumento da geração de caixa e o aumento do financiamento junto aos fornecedores.



  • 27 Out 2007, 14:42
  • 13 Jan 2008, 19:30
  • Tweet
Ativos Discutidos
BOV:WEGE3 34.17 1.1%
Weg Sa
Weg Sa
Weg Sa
Índices Mundiais
Alemanha 0.6%
Austrália 0.6%
Brasil -0.3%
Canadá 0.0%
EUA (Dow Jones) 0.0%
EUA (NASDAQ) 0.0%
França 0.6%
Grécia 1.0%
Holanda 0.6%
Inglaterra 1.9%
Itália -0.3%
Portugal 0.4%
Maiores Altas (%)
BOV:GPAR1 1.25 23.8%
BOV:LAME1 7.76 17.6%
BOV:ETER3 4.55 12.3%
BOV:LAME2 10.49 10.4%
BOV:AZEV4 3.36 8.4%
BOV:PLAS3 7.20 7.6%
BOV:MERC4 13.95 7.4%
BOV:AZEV3 7.40 7.2%
BOV:RCSL4 1.27 6.7%
BOV:IGBR3 3.20 6.3%
Seu Histórico Recente
BOV
WEGE3
WEG ON
Registre-se agora para acompanhar essas ações ao vivo no Monitor ADVFN.

O Monitor permite ver até 110 de suas ações favoritas de uma vez só e é completamente grátis para você usar.

Ao acessar os serviços da ADVFN você estará de acordo com os Termos e Condições

P: V: D:20191213 14:31:42