ADVFN Logo ADVFN

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Hot Features

Registration Strip Icon for smarter Negocie de forma mais inteligente, não mais difícil: Libere seu potencial com nosso conjunto de ferramentas e discussões ao vivo.

IPA-DI: Confira as maiores influências para a alta registrada em Março no atacado

LinkedIn

O Índice de Preços ao Produto Amplo – Disponibilidade Interna (IPA-DI) registrou variação de 0,37% em março: O mamão, que subiu 59,80%, foi um dos itens que mais puxaram a valorização do terceiro mês de 2016.

As cinco principais influências positivas do Índice de Preços ao Produto Amplo – Disponibilidade Interna, que contribuíram para a alta do indicador em março de 2016 foram: o preço do Minério de ferro, subiu para 8,05% em março e havia caído em fevereiro -1,25%, (diferença de variação de +9,30%); Milho (em grão), subiu 5,83% em março e havia subido em fevereiro 11,03% (diferença de variação de -5,20%); Mamão, que subiu para 59,80% em março e havia subido em fevereiro 17,37%, (diferença de variação de 42,43%); Ovos que subiram 8,91% em março e haviam subido em fevereiro 11,72%, (diferença de variação de -2,81%); e o preço da Cana-de-açúcar, que subiu 2,85% em março e havia subido em fevereiro 3,25%, (diferença de variação de -0,40%).

O preço da Mandioca (aipim) no atacado foi o item de maior destaque negativo entre as variações de preço registradas em março de 2016. A Mandioca estava em alta de 8,56% em fevereiro e caiu para -10,74% em março, com uma diferença de variação de -19,30%.

Outros itens que registraram diminuição considerável de preço no atacado em março, na comparação com o mês anterior, foram: Soja (em grão), que caiu -4,17% em fevereiro e -6,78% em março (diferença de variação de -2,61%); o preço do Farelo de Soja, que caiu -6,80% em fevereiro e -15,89% em março (diferença de variação de -9,09%); o preço dos Bovinos subiu 2,36% em fevereiro e caiu -0,67% em março (diferença de variação de -3,03%); e o preço do Óleo de soja bruto subiu 2,79% em fevereiro e despencou -7,52% em março (diferença de variação de -10,31%).

O IPA-DI é calculado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), com base nos preços praticados no setor atacadista brasileiro, coletados entre os dias 01 e 31 do mês de referência.

Deixe um comentário