Ratings da Eletropaulo não são afetados por acordo com a Eletrobras, diz S&P

LinkedIn

A agência de classificação de risco S&P Global afirmou nesta quinta-feira (5) que o rating global BB- da Eletropaulo (ELPL3) (ELPL4) não deve ser afetado pelo acordo firmado com a Eletrobras, que visa encerrar uma disputa judicial que corre desde 1986. O impasse se refere ao pagamento do saldo do empréstimo cedido naquele ano pela estatal à Cteep.

“Nós vamos continuar, monitorando os termos finais se as empresas chegarem a um acordo. Atualmente, incorporamos este litígio em nossa análise como um componente negativo para nossas classificações sobre a Eletropaulo, com base em nossa visão de um potencial saída de caixa que poderia enfraquecer as métricas de crédito da empresa”, afirmou a S&P Global, ressaltando que o relatório não constitui uma ação de rating e sim apenas um comentário.

Em teleconferência com analistas e investidores, o diretor vice-presidente e de Relações com Investidores da Eletropaulo, Marcelo Antônio de Jesus, afirmou que o acordo só resultará efetivamente se o valor acertado for inferior ao precificado nas ações da distribuidora paulista. Na mesma teleconferência, o presidente da AES Brasil e conselheiro da Eletropaulo, Julian Nebreda, afirmou que o montante atualmente considerado no valor das ações seria um valor ao redor de R$ 2 bilhões.

Fonte: Agência Estado

Deixe um comentário