Mercados globais sinalizam uma recuperação

LinkedIn

Os futuros do S&P sinalizam uma abertura bastante otimista (+1,3%), aliviando a percepção negativa que havia atingido os mercados globais na semana passada, quando o S&P 500 teve a sua pior queda semanal desde 2016 e acumulou 6% de perdas.

Mercados Globais

A queda decorrida de diversos fatores — sendo o principal deles a tensão comercial entre EUA e China — foi suavizada pela possibilidade de um acordo entre as duas potências. Os mercados asiáticos se estabilizaram e as bolsas europeias têm uma alta moderada (a primeira em quatro dias de pregão). O dólar sofre uma desvalorização em relação a maioria das moedas: dólar index tem queda de 0,2%.

A semana terá uma série de indicadores importantes. Na quarta-feira, a última revisão do PIB americano será divulgado às 9h30. Na quinta-feira, os mercados ficarão de olho no núcleo do PCE, que deve apresentar uma alta de 0,2% no mês de fevereiro, após alta de 0,3%.

Além disso, haverá informações sobre os gastos e sobre a renda do consumidor, em uma semana cheia de discursos de dirigentes do Fed, incluindo o presidente Powell. Ainda que a semana seja mais curta para a maioria das bolsas, na sexta-feira teremos os dados da indústria chinesa com o PMI, que pode apresentar uma pequena melhora após uma sequência de divulgações decepcionantes (veja abaixo) no ponto de vista dos mercados.

Brasil

No mercado local, o dólar tem alta ante o real enquanto os juros futuros recuam. Além disso, a bolsa abre com uma alta de 0,5%, estimulada pelo cenário externo que, como já dito, segue otimista nesta segunda-feira.

Ás 13h30, a decisão do Tribunal Regional Federal da 4° Região sobre o recurso de Lula estará no radar dos investidores. Atenção também a divulgação de balanços em relação ao último trimestre de 2017, pois está será a última semana, e deve contar com a divulgação de grandes empresas como a Braskem e Sabesp.

 

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.