Raízen conclui compra de ativos de refino da Shell na Argentina

LinkedIn

A Raízen Combustíveis, joint venture da Cosan (BOV:CSAN3) com a Shell, anunciou nesta terça-feira (24), assinou contrato para aquisição da totalidade do negócio de downstream da Shell, na Argentina. Segundo o fato relevante divulgado ao mercado, o acordo entre as empresas está avaliado em US$ 950 milhões de dólares e deve ser concluído no segundo semestre deste ano.

As empresas adquiridas atuam na Argentina e conta com uma refinaria, uma rede de 645 postos de combustíveis com venda de aproximadamente 6 bilhões de litros por ano. As companhias registraram receitas líquidas de US$ 3,3 bilhões de dólares durante o ano fiscal de 2017.

Segundo a Raízen, a Shell permanecerá com atuação no mercado downstream na Argentina, como acionista da Raízen.

“Esta transação representa uma oportunidade importante de crescimento para a Raízen, ampliando e replicando seu modelo de sucesso implementado no Brasil. A transação também fortalece o negócio das companhias adquiridas, além de permitir sinergias operacionais, financeiras e de marketing”, destacou a empresa, acrescentando que a Shell continuará presente no mercado argentino como acionista da Raízen.

A expectativa é de que, após a conclusão do negócio, as empresas registrem Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) potencial de US$ 250 milhões.

Deixe um comentário