Leilão da Eletropaulo é adiado para o dia 4 de junho

LinkedIn

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) definiu nesta quinta-feira (3) que o leilão da distribuidora de energia Eletropaulo (BOV:ELPL3) acontecerá no dia 4 de junho, na sede da B3, em São Paulo. A ata foi liberada na noite desta quarta-feira (2).

O colegiado do órgão se reuniu para definir as regras da disputa, após questionamentos da Neoenergia.

O leilão estava marcado, até então, para o dia 18 de maio, mas foi adiada para haver um prazo de ao menos 30 dias após a publicação da decisão.

Segundo a ata, a decisão de adiar o leilão foi tomada para garantir que um eventual novo concorrente não tivesse condição favorecida perante os demais — no ofício anterior, havia uma regra que dava brecha para que as empresas que já tivessem dado seus lançes antes do leilão, não poderiam cobrir uma nova oferta.

Além disso, a CVM também decidiu que durante o leilão, poderá haver interferência compradora. Ou seja, caso apareça algum novo comprador durante o leilão, a oferta poderá ser considerada. Esse eventual ofertante poderá se apresentar até o dia 24 de maio, mas a proposta será apresentada apenas no dia do certame.

Até o momento, apenas três empresas apresentaram interesse no leilão da Eletropaulo: Neoenergia, Enel e Energia. De acordo com as regras do ofício, as três poderão elevar suas ofertas até o dia 24 de maio, 10 dias antes do leilão.

*Fonte: Folha de S. Paulo. 

Deixe um comentário