Confira o que foi notícia no mercado cripto desta semana

LinkedIn

Fique por dentro das principais notícias do mercado de criptomoedas desta semana

Brasileiro coloca casa à venda e diz aceitar bitcoin como pagamento

Não é de hoje que se encontra por aí plaquinhas escritas “aceita bitcoin”. Mas desta vez, um brasileiro foi longe, e colocou a sua casa a venda e garantiu receber bitcoin em troca da mansão.

De acordo com o Guia do Bitcoin, utilizando a plataforma Openbazaar, o usuário com o nome de Oiler Voss informou que o seu apartamento fica em Contagem, Minas Gerais, e pediu R$ 450 mil, cerca de 19 BTC em troca do imóvel.

Coreia do Sul revigora supervisão sobre exchange de criptomoedas

A atuação sobre as criptomoedas nesta semana vem do outro lado do planeta. Desta vez, a Comissão de Serviços Financeiros da Coreia do Sul tornou as suas ferramentas mais rigorosas com relação a exchange de criptomoedas e bancos do país. As medidas, divulgadas na quarta-feira (27), de acordo com o Portal do Bitcoin, devem valer por ao menos um ano, e fixam o monitoramento mais rígido sobre as transações bancárias das companhias.

Atualmente, exchanges da Coreia do Sul possuem diversas contas bancarias como depósito para clientes, e de operações, para armazenamentos dos recursos e movimentações da própria empresa.

Facebook liberará anúncios de criptomoedas novamente; medida terá exceções

Depois de ficarem meses proibidos de serem veiculados no Facebook, os anúncios de criptomoedas serão liberados novamente, segundo a rede social. Na quinta-feita, Rob Leathern, diretor de gerenciamento de produtos do Facebook, disse em um post que a rede social “estudou a melhor maneira de refinar sua política – para permitir alguns anúncios enquanto trabalha para garantir que eles sejam seguros”. No entanto, a Facebook anunciou a volta, mas com condições: “a empresa continuará a bloquear qualquer anúncio que promova opções binárias e ofertas iniciais de moedas”, lembrou.

A medida começou a ser praticada na última terça-feira.

“O bitcoin é um desastre”, explica pesquisador do MIT

Em entrevista ao El País na última quinta-feira (28), o professor e diretor associado do Departamento de Engenharia Eletrônica e Ciências da Computação do Massachusetts Institute of Technology (MIT), Silvio Micali, disse ao jornal que o modelo do bitcoin favorece a corrupção, além de considerar a moeda uma receita para o desastre.

Questionado sobre o controle da criptomoeda, o pesquisador revelou que três mineiros a controlam, e que provavelmente a corrupção é extremamente possível.

Sem perder o viés, quando Micali é questionado sobre a condenação da moeda, a reação dele não poderia ser outra:

“Sem dúvida. Precisamos de um modelo diferente. Por isso projetei do zero uma criptomoeda totalmente diferente, chamada Algorand. A divisa que surge dela se chama Algo.”

Desenvolverdor criar app da Copa do Mundo que paga em Bitcoin Cash

Mobtwo. Este é o nome da equipe de desenvolvedores responsáveis por criar o Bitcoin Cash Football no Google Play lançado nesta semana. O app é um jogo multiplayer de futebol com jogadores reais que paga frações em criptomoedas ao usuários. O torneio, segundo a equipe Reddit, ganhou o nome de ‘Copa do Mundo’, e faz referência à Copa da Rússia.

Agora, a ideia é fazer com que através dos jogos, os usuários sejam introduzidos ao Bitcoin Cash e, com o tempo, torná-los entusiastas das criptomoedas, algo que não ocorria com métodos normais, segundo o site.

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.