FUP cria ação contra venda de refinarias pela Petrobras

LinkedIn

A Petrobras (BOV:PETR4) virou alvo de uma ação organizada pela Federação Única dos Petroleiros (FUP) no Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro, no final da tarde desta terça-feira (19).

A ação questiona a petroleira sobre a privatização das refinarias Landulpho Alves (Rlam), Abreu e Lima (Rnest), Alberto Pasqualini (Refap) e Presidente Getúlio Vargas (Repar), anunciadas em abril.

Uma nota divulgada no site da FUP aponta para os danos sociais e trabalhistas relacionadas a privatização:

“A venda das refinarias, além de não se traduzir em qualquer espécie de investimento para a sociedade, deixa dúvidas sobre a geração de renda e empregos nas regiões atingidas. A alienação das refinarias, avaliada sob a ótica de sua expressividade, representará, portanto, prejuízos à União Federal e, consequentemente, à sociedade como um todo”, destaca a documento.

Um caso parecido aconteceu na semana passada, quando funcionários da Eletrobrás (ELET6), também estatal, chegaram a conseguir uma liminar contra a privatização de seis distribuidoras da elétrica.

Fonte: Broadcast

 

Deixe um comentário