Confira o que foi notícia no mercado cripto desta semana

LinkedIn

Fique por dentro dos principais destaques do noticiário cripto desta semana

Bradesco é destaque em investimentos em blockchain

Na visão do vice-presidente da desenvolvedora de soluções para bancos Stefanini, Ailtom Nascimento, o Bradesco é um dos bancos nacionais que mais se destaca em transformação digital, uso e incentivo da inovação com base em blockchain.

Para o executivo, um dos grandes acertos do banco foi a criação do Next, banco 100% digital do Bradesco, e ações promovidas pelo InovaBra, especialmente o Habitat, espaço que promove em São Paulo meetups, seminários, painéis e diversas ações relacionadas às criptomoedas, blockchain, inteligencia artificial.

De acordo com o Criptomoedasfácil.com, anualmente, o Bradesco aplica quase R$ 2 bilhões em processo de transformação digital além de gastar mais R$ 4 bilhões em despesas tecnológicas.

Google inclui calculadora de Bitcoin no seu buscador

Nesta semana, o Google incluiu uma ferramenta prática para os usuários do Bitcoin. Uma calculadora lançada pela empresa permite o usuário colocar a quantidade bitcoin que ele deseja na plataforma e ela retornará o valor total, na medida que o mesmo pode ser calculado inversamente.

CapturadeTela2018-07-05às15.32.59

A novidade, segundo a empresa, pode ser visualizada tanto no desktop quanto no mobile.

Fundadores da Ripple são acusados de fraude nos EUA

Em menos de dois meses, os fundadores da Ripple Labs, empresa detentora da Ripple, foram alvos de três ações judiciais. O autor da última ação acusa a empresa de obter vantagem por meio de violação das leis estaduais e federais de valores imobiliários, além de enganar o mercado com a venda de tokens Ripple não registradas.

De acordo com o Guia do Bitcoin, na ação, o autor pede a restituição, bem como indenização por danos. Segundo ele, os responsáveis pela venda do token XRP, negociaram títulos não registrados sob o código corporativo da Califórnia.

Empresa faz parceria com Mercado Pago para compra de bitcoin no Brasil

A partir desta semana, o cliente do Mercado Pago que desejar usar o seu saldo para comprar bitcoin, está liberado. Uma startup argentina, a Ripio, firmou nesta semana um acordo de operação no Brasil em uma parceria com o Mercado Pago, empresa de tecnologia de serviços de pagamentos do grupo Mercado Livre.

Segundo a empresa, por enquanto, o sistema disponibiliza a compra de bitcoin, mas a ideia futuramente é fazer um caminho inverso.

Viber lançará criptomoeda japonesa na Rússia em 2019

O famoso aplicativo de mensagens Viber apresentou ao mercado nesta semana o seu plano de torna-se uma plataforma de criptomoeda da sua controladora, Rakuten Coin.

O grupo está avaliando os últimos desenvolvimentos legais vinculados aos ativos digitais na Rússia. Djamel Agaoua, CEO da Viber, disse que o aplicativo de mensagens atuará como um participante-chave na meta da Rakuten de inventar sua própria criptomoeda.

Deixe um comentário