Eletrobras fará leilão de distribuidora no Amazonas em 25/10

LinkedIn

O leilão de privatização da distribuidora de energia da Eletrobras (BOV:ELET6) no Amazonas foi adiado para 25 de outubro, o que deve empurrar a assinatura do contrato de venda da empresa para 2019 mesmo em caso de sucesso na licitação, informou a estatal nesta quinta-feira em comunicado ao mercado.

O leilão foi postergado pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), que assessora o processo de privatização, devido à perspectiva de que não será possível aprovar a tempo no Senado um projeto de lei que reduz incertezas em torno da distribuidora do Norte do país, conforme antecipado pela Reuters com informação de uma fonte.

A Eletrobras disse que, se houver vencedor no leilão, a assinatura do contrato de compra e venda de ações e do acordo de acionistas deverá ocorrer até 14 de janeiro de 2019. O novo prazo obrigará a estatal a pedir autorização a seus acionistas, uma vez que ela havia se comprometido a concluir a venda de todas suas distribuidoras de energia até o final de 2018.

Além da mudança no cronograma da venda da unidade no Amazonas, a Eletrobras ainda não conseguiu avançar com a tentativa de licitação de sua distribuidora no Alagoas, a Ceal, cujo processo de privatização foi suspenso por uma decisão judicial.

Segundo o BNDES, eventuais interessados na elétrica da Eletrobras no Amazonas deverão apresentar documentos incluindo suas propostas financeiras pela empresa em 22 de outubro na sede da bolsa paulista B3.

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.