Gerdau espera continuação de margens elevadas em preços de metais nos EUA em 2019

LinkedIn

A Gerdau (BOV:GGBR4espera que o mercado siderúrgico dos Estados Unidos em 2019 continue se beneficiando da situação gerada pelas tarifas de importação de aço criadas pelo governo de Donald Trump neste ano.

“Na América do Norte, tivemos o melhor spread dos últimos anos neste ano e ano que vem o spread deverá continuar alto”, disse o presidente-executivo da Gerdau, Gustavo Werneck, em reunião com investidores e analistas nesta quinta-feira.

Ele se referiu à diferença entre o preço de sucata, matéria-prima de produção de aço, e o preço do aço vendido por siderúrgicas.

Em 2018, após a cobrança de tarifas de importação de aço, que limitou a oferta do produto nos EUA, o spread de metais no país subiu mais de 40 por cento, segundo apresentação da companhia.

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.