Queda das bolsas; preços do petróleo derretendo

Google+ LinkedIn

Fed manteve taxa básica, como esperado pelo mercado. O Federal Reserve manteve a taxa de juros inalterada entre 2,00% e 2,25% ao ano.  Sem uma alteração relevante em seu guidance, o Fed notou que deve manter tendência gradual de aperto monetário em um mercado de trabalho aquecido e atividade econômica em expansão.

Atividade econômica

Mercados acionários

Mercados acionários internacionais sofrem desvalorização em todas as regiões. O receio de uma desaceleração na atividade econômica chinesa se soma ao guidance do Federal Reserve, que anunciou a continuidade do aperto monetário. Na China, a bolsa de Xangai registrou queda de 1,39%, devolvendo o lucro da ultima semana.

As bolsas de Hong Kong (-2,39%) e Tóquio (-1,05%) também acompanharam com fortes quedas. Na Europa, as bolsas registram quedas em torno de 1%, enquanto o Euro manteve sua tendência de depreciação desde ontem, quando o Fed manteve a taxa de juros inalterada. No Brasil, a bolsa segue o cenário externo, com queda. Em Wall Street, os índices futuros registram variações negativas de aproximadamente 0,5%. Na contramão das bolsas, o dólar aprecia frente aos seus principais pares. No mercado de commodities, enquanto o segmento agrícola mostra estabilidade, os metais e as energéticas recuam. Os preços do petróleo mantiveram tendência de baixa; o petróleo WTI derreteu nos últimos dias, retornando ao patamar abaixo de US$ 60,00 o barril, com queda de 1,6% no dia. O Brent, outro importante benchmark, foi abaixo de US$ 70,00 o barril e registra queda de 1,4%. Os EUA concederão permissão a oito países que querem continuar importando petróleo iraniano, isso cria pressões adicionais nos preços do petróleo. Além disso, a produção de petróleo bruto nos EUA está em patamar recorde.

Expectativas dos agentes

Na agenda econômica desta sexta-feira, haverá dados de inflação ao produtor às 11h30 e indicadores de Michigan às 13h. Ao meio dia, Quarles, membro do Comitê Federal de Política Monetária (FOMC) irá discursar. Dados de contagem de plataformas para extração de petróleo e gás nos EUA serão divulgados às 16h.

Economista pela FEA-USP, mestre pela EESP-FGV, CNPI, tem 30 anos de experiência no mercado financeiro, tendo passado por diversas instituições financeiras, tanto como gestor de investimentos como Economista e Analista. Hoje é economista e analista da NOVA FUTURA CTVM.
http://pepasilveira.blogspot.com.br/

Deixe um comentário

Esta área do website ADVFN.com é destinada para comentários e anáises individuais independentes. Estes blogs são administrados por autores independentes através de uma plataforma de alimentação comum, não representando as opiniões da ADVFN. A ADVFN não monitora, aprova, altera ou exerce controle editorial sobre estes artigos, não aceitando, portanto, ser responsabilizada por tais informações. As informações disponibilizadas no website ADVFN.com destina-se para sua informação em geral mas não, necessariamente, para suas necessidades particulares. As informações não constituem qualquer forma de recomendação ou aconselhamento por parte da ADVFN.COM.