Lojas nas Filipinas passam a negociar com Bitcoin

LinkedIn

A rede 7-Eleven, uma das franquias de utilitários mais importantes do mundo, deu um passo importante nas Filipinas. A partir de agora, todas as lojas do país realizam transações utilizando Bitcoin, por meio de uma parceria com o ECpay, que permite pagamento em criptomoedas. Além delas, mais de 6 mil outros estabelecimentos locais irão aderir ao ativo, fazendo com que o critpomercado ganhe um importante impulso na região.

Facilidade nas negociações com Bitcoin

O anúncio feito pela companhia na última quarta-feira (18) deixa claro que o objetivo é facilitar as compras de seus clientes, utilizando uma opção moderna para transações comerciais. Para cumprir com seu objetivo, a rede de lojas pretende disponibilizar mecanismos que facilitem a aquisição de Bitcoin ao seu público-alvo, para que posteriormente realizem os pagamentos. Isto poderá ser feito por meio do aplicativo ECpay.

Os clientes da rede 7-Eleven terão a sua disposição uma opção para pagamentos de conta dentro do aplicativo. Lá, poderão depositar valores específicos em suas carteiras virtuais, com mínimo de PHP 500 (equivalente a aproximadamente 10 dólares) e o máximo de PHP 100.000 (valor que equivale a 1.917 dólares). Depois de realizar a transação, os valores serão destinados para suas devidas compras. Trata-se de uma tendência que pode popularizar o Bitcoin globalmente.

A popularização do Bitcoin no comércio

Este é apenas um exemplo de como a criptomoeda tem se destacado como possibilidade futura de transações comerciais. Em maio, a Coinme expandiu as possibilidades de opção de comprar de Bitcoin para 21 estados dos EUA, facilitando o acesso do ativo para as pessoas. Somado a este fato, uma recente pesquisa mostrou que a Europa está encarando o BTC como parte do futuro das compras, principalmente em transações online.

Tudo isto traz perspectivas bastante interessantes para o ativo. Na medida em que aumenta a sua popularização no comércio global, há uma tendência progressiva de fortalecimento. Desta forma, as previsões futuras com relação a um aumento progressivo do Bitcoin a longo prazo podem vir a se confirmar, inclusive as mais audaciosas. Isto também pode contribuir de forma positiva para outras criptomoedas, que também tendem a se fortalecer.

O panorama atual do ativo

Saindo de perspectivas futuras e voltando ao presente do Bitcoin, nesta quinta-feira (19) o ativo cedeu para uma queda de valores abaixo dos 10 mil dólares. Neste momento, a criptomoeda está na casa dos 9.800 dólares, com uma queda superior a 3%. Porém, a opinião dos analistas é de que este quadro não chega a ser problemático, uma vez que esse movimento já era esperado e pode preceder um quadro de significativa valorização nos próximos dias.

Fonte: Cointelegraph.

Veja o Ranking das principais criptomoedas

Deixe um comentário