Binance faz parceria para lançar smartphone integrado a BNB

LinkedIn

A Binance, a maior corretora de criptomoedas do mundo, firmou uma parceria com a HTC para lançar um smartphone EXODUS 1 de edição limitada, com suporte embutido para a Binance Chain (BNB).

De acordo com o anúncio, o EXODUS 1 – Binance Edition da HTC será o primeiro smartphone pronto para a Binance Chain do mundo, e o Zion Vault do telefone  será integrado ao Binance DEX, permitindo que os usuários negociem diretamente em seu telefone.

“Os smartphones desempenharão um papel fundamental na adoção em massa de criptomoedas e os smartphones são os dispositivos mais naturais para uma carteira de hardware simples de usar e sempre com você”, disse Changpeng Zhao, CEO da Binance.

“O uso das criptomoedas, por outro lado, tornará todo smartphone um terminal de POS e um dispositivo de pagamento, eliminando a maioria dos outros intermediários. As implicações são profundas e abrangentes, e os fabricantes de smartphones mais inovadores estão correndo para integrar o uso das criptomoedas para adoção em massa e usabilidade perfeita. Temos o prazer de apoiar e trabalhar com o HTC EXODUS para ajudar as pessoas a acessar o setor das criptomoedas em qualquer lugar e a qualquer momento. Estamos entusiasmados por colaborar com um fabricante que está dando os passos inovadores para capacitar os usuários e alavancar a adoção.”

Binance observa que em breve o telefone estará disponível para compra diretamente no site Exodus da HTC por US$599 e os primeiros 500 compradores receberão um bônus de US$ 100 em BNB.

“A Binance é uma daquelas empresas destemidas que desafiam os sistemas financeiros tradicionais e como as coisas são feitas”, acrescentou Phil Chen, diretor descentralizado da HTC. “A visão deles de financiamento sem fronteiras é uma causa que a EXODUS também aspira em conseguir.”

A HTC está apostando no mercado do smartphone, curiosamente criando versões de entrada para celulares com integração à blockchain, ajudando na adoção da tecnologia.

 

Veja o Ranking das principais criptomoedas

Deixe um comentário