Mercados mundiais prometem baixos volumes em dia de feriado nos EUA

LinkedIn

ÁSIA: As principais bolsas asiáticas avançaram na segunda-feira, com o Banco Popular da China (PBoC) mantendo a sua taxa básica de juros de um e de cinco anos inalteradas, numa tentativa de aumentar a liquidez nos mercados antes do Ano Novo Lunar.

A decisão foi tomada depois que o presidente Donald Trump e o vice-primeiro-ministro chinês Liu He assinaram o tão esperado acordo comercial da “primeira fase” na quarta-feira, aliviando as tensões entre as duas maiores economias do mundo.

Na China continental, o composto de Xangai subiu 0,66%, enquanto o composto de Shenzhen avançou 1,31%. Ações de fabricantes de medicamentos chineses aumentaram em meio às preocupações com um surto de coronavírus no país. A Jiangsu Sihuan Bioengineering e a Shandong Lukang Pharmaceutical viram suas ações subirem cerca de 10%, o limite máximo diário de movimento.

O índice Hang Seng em Hong Kong, no entanto, caiu 0,90%.

No Japão, o Nikkei subiu 0,18%, apesar da gigante do índice Fast Retailing ter caído 1,58%. O índice Topix, mais amplo, avançou 0,5%, com os investidores procurando pistas antes do início da reunião de política de dois dias do Banco do Japão. A temporada de ganhos no Japão também deve começar ainda nesta semana.

O Kospi da Coreia do Sul subiu 0,54%, com as ações da Samsung Electronics subindo 1,79% depois que a empresa anunciou algumas mudanças de liderança, segundo um relatório da Reuters. Analistas acreditam que o PIB da Coreia do Sul provavelmente tenha acelerado no 4T em relação ao trimestre anterior. Provavelmente tenha crescido 0,7% no quarto trimestre, contra a expansão de 0,4% do terceiro trimestre. Os dados do 4T devem ser divulgados na quarta-feira.

Enquanto isso na Austrália, o ASX 200 fechou em alta de 0,22%, terminando o dia de negociação em 7.079,50 pontos. As mineradoras avançaram. BHP subiu 1,6%, Fortescue Metals subiu 3,5% e Rio Tinto subiu 1,1%.

EUROPA: Os mercados europeus negociam em baixa nesta segunda-feira, quando os formuladores de políticas e líderes empresariais se reúnem em Davos, na Suíça, para a conferência anual do Fórum Econômico Mundial.

A mudança climática e os negócios sustentáveis ​​deverão ser o foco principal na reunião deste ano, mas outros riscos políticos, como comércio internacional e instabilidade geopolítica, também devem estar na agenda.

O pan-europeu Stoxx 600 cai 0,1% no início do pregão, com ações do setor bancário registrando perdas, enquanto ações do setor de petróleo e gás sobem em meio a interrupção da produção na Líbia e no Iraque. As mineradoras listadas em Londres operam majoritariamente em baixa. Anglo American cai 0,3%, Antofagasta recua 1% e BHP cai 0,2%. Rio Tinto sobe 0,3%.

Ministros das Finanças dos países membros da UE se reunirão em Bruxelas nesta segunda-feira para a reunião mensal do Eurogrupo.

Enquanto isso, o primeiro-ministro britânico Boris Johnson fará uma reunião com 21 líderes africanos em Londres nesta segunda-feira, em uma tentativa de aumentar os laços comerciais do Reino Unido com o continente antes da saída do país da União Europeia.

EUA:  Nesta segunda-feira, 20 de janeiro, é feriado nos EUA em comemoração ao dia de Martin Luther King. Com as Bolsas americanas fechadas, pode haver redução da liquidez nos outros mercados, mas os futuros dos índices de ações dos EUA estão abertas e operam em ligeira baixa nesta segunda-feira.

As ações subiram levemente na sexta-feira, com Wall Street encerrando com um sólido desempenho semanal graças aos fortes dados econômicos globais e um sólido início da temporada de ganhos. O Dow Jones Industrial Average fechou em 29.348,10 pontos, ou alta de 0,17%. O S&P 500  subiu 0,39%, enquanto o Nasdaq Composite avançou 0,34%. Os principais índices atingiram altas recordes na sexta-feira.

Os ganhos de sexta-feira vieram depois que os dados industriais chineses de dezembro superaram as expectativas da noite para o dia, com a produção subindo 6,9% na comparação ano a ano. A economia chinesa em geral cresceu 6,1% em 2019, correspondendo às expectativas. Certamente, essa também é a taxa de crescimento mais lenta da economia chinesa desde 1990.

Nos EUA, o número de moradias subiu quase 17% em dezembro e alcançou uma alta de 13 anos. Esses dados seguem os dados de quinta-feira, quando registrou reivindicações semanais de seguro-desemprego menores do que o previsto e fortes números da atividades de negócios do Federal Reserve da Filadélfia.

Na semana, o S&P 500 subiu quase 2%, enquanto o Dow avançou 1,8%. A Nasdaq encerrou a semana em alta de 2,3%. Esses ganhos se basearam no enorme aumento das ações a partir de 2019 e contribuíram para o forte início deste ano. O S&P 500 e o Dow subem 3,1% e 2,8%, respectivamente, no acumulado do ano. A Nasdaq aumentou mais de 4,5% em 2020.

O S&P 500 obteve o melhor desempenho de uma semana desde a última semana de agosto, juntamente com o Dow e o Nasdaq.

Um início sólido da temporada de ganhos corporativos também elevou o sentimento dos investidores nesta semana. Mais de 8% do S&P 500 divulgou resultados trimestrais até agora, segundo dados do FactSet. Dessas empresas, 72% das empresas apresentaram ganhos acima do esperado. Grandes bancos como o Goldman Sachs, Bank of America e Morgan Stanley divulgaram números trimestrais que excederam as estimativas no início desta semana.

ÍNDICES FUTUROS – 7h30:
Dow: -0,09%
SP500: -0,16%
NASDAQ: -0,12%

OBSERVAÇÃO: Este  material é um trabalho voluntário, resultado da compilação de dados divulgados em diversos sites da internet que são aqui resumidos de maneira didática para facilitar e agilizar a compreensão do leitor. O texto da sessão asiática está no tempo passado e a europeia no presente devido ao horário em que este relatório é redigido. Atentem-se para o horário de disponibilização dos dados.

Deixe um comentário