PMI Não-Manufatura dos EUA tem leitura mensal de 52,5, diz ISM

LinkedIn

A atividade no setor de serviços dos EUA desacelerou em março, à medida que os negócios enfrentam o surto de coronavírus, mostraram dados divulgados sexta-feira pelo Institute for Supply Management (ISM).

O índice de não-manufatura do ISM caiu para 52,5 no mês passado, ante 57,3 em fevereiro. Economistas consultados pela Dow Jones esperavam que o índice de serviços ISM caísse para 45. Certamente, o relatório pode não capturar toda a extensão do impacto do vírus na economia, o que significa que dados futuros sobre o setor podem ser muito piores.

“Os entrevistados estão preocupados com o impacto do coronavírus na cadeia de suprimentos, capacidade operacional, recursos humanos e finanças, bem como as implicações para a economia em geral”, disse Anthony Nieves, presidente do Institute for Supply Management (ISM), em comunicado.

Mais de 1 milhão de casos de coronavírus foram confirmados em todo o mundo, de acordo com dados da Universidade Johns Hopkins. Somente nos EUA, mais de 245.000 casos foram confirmados.

O relatório de sexta-feira veio depois de um relatório sombrio de empregos nos EUA, que mostrou que as folhas de pagamento não-agrícolas (Payroll) caíram 701.000 no mês passado.

Deixe um comentário