ADVFN Logo ADVFN

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Hot Features

Registration Strip Icon for default Cadastre-se gratuitamente para obter cotações em tempo real, gráficos interativos, fluxo de opções ao vivo e muito mais.

Futuros dos EUA tentam recuperar da pior liquidação desde junho

LinkedIn

ÁSIA: A maioria das bolsas asiáticas caiu nesta quinta-feira após queda em Wall Street, à medida que casos de coronavírus continuam aumentando no Ocidente.

O S & P / ASX 200 da Austrália caiu 1,61% para fechar em 5.960,30 pontos, liderando as perdas regionais. Entre as mineradoras, BHP caiu 2,2%, Rio Tinto recuou 1,2%, enquanto a produtora de minério de ferro Fortescue Metals avançou 0,9%. As produtoras de petróleo continuou o caminho descendente. Santos despencou 4,8% e Woodside Petroleum fechou em baixa de 2,2%.

O Kospi da Coreia do Sul caiu 0,79%. As ações da gigante Samsung Electronics caíram 1,53%, depois que a empresa previu queda nos lucros no quarto trimestre.

Em Hong Kong, o índice Hang Seng caiu 0,49%. As ações do Standard Chartered listadas na cidade recuaram 3,14% depois que o banco anunciou uma queda de 40% em seu lucro ante impostos nos três meses encerrados em 30 de setembro. O CEO do Standard Chartered, Bill Winters, no release de resultados disse que “as taxas de juros mais baixas continuam a impactar a receita, mas continuamos bem posicionados para cumprir nossas metas financeiras, embora com algum atraso”.

Na China Continental, as ações contrariaram a tendência regional, com o composto de Xangai subindo 0,11%, enquanto o Shenzhen Component subiu 0,98%.

No Japão, o Nikkei caiu 0,37%, enquanto o índice Topix caiu 0,1%. Destaque para as ações da Sony que subiram 6,69% depois que a empresa elevou sua perspectiva de lucro anual.

O Banco do Japão manteve a política monetária estável em uma decisão amplamente esperada. No relatório trimestral do banco central, sua previsão para o PIB foi revisada para baixo, para uma queda de 5,5% no ano fiscal de 2020, ante expectativa de uma queda de 4,7% projetada no relatório de julho.

As vendas no varejo do Japão caíram 8,7% em setembro em comparação com o ano anterior, de acordo com o relatório preliminar do Ministério da Economia, Comércio e Indústria, ante previsão de queda de 7,7%, de acordo com a Reuters.

O índice MSCI para a Ásia-Pacífico exceto Japão caiu 0,5%.

EUROPA: Os mercados europeus operam entre ligeiras altas e perdas na manhã de quinta-feira, enquanto os investidores digerem novas medidas de bloqueio na França e na Alemanha e aguardam a decisão de política monetária do Banco Central Europeu.

Depois de cair 3% na quarta-feira, o Stoxx Europe 600 avança 0,05%.

As bolsas europeias sofreram a pior queda diária desde o final de setembro na quarta-feira, quando a Alemanha e a França anunciaram novas medidas de bloqueio em uma tentativa de evitar uma nova onda de casos Covid-19 que varre a Europa. O governo britânico também está sob pressão para aumentar as restrições, com os casos dobrando a cada nove dias, de acordo com um novo estudo do Imperial College London.

O alemão DAX 30 sobe 0,48%, o francês CAC 40 sobe 0,10%, o FTSE MIB da Itália avança 0,18%, enquanto o IBEX 35 da Espanha recua 0,90%.

Em Londres o FTSE 100 sobe 0,19%. Entre as mineradoras listadas na LSE, Anglo American sobe 0,8%, Antofagasta avança 1,1%, Rio Tinto sobe 1,3%, enquanto BHP cai 0,3%. As produtoras de petróleo BP e Royal Dutch Shell sobem 0,2% e 2,5%, respectivamente. A última divulgou um lucro de US $ 955 milhões no terceiro trimestre, melhor do que o esperado e anunciou planos para aumentar seus dividendos aos acionistas.

O foco do dia ficará por conta da decisão do BCE sobre a taxa de juros.

O Reino Unido deve criticar na quinta-feira a UE e os EUA por suas práticas comerciais “perniciosas”, enquanto o país busca garantir acordos comerciais pós-Brexit com os dois principais aliados.

Um homem armado com uma faca matou duas pessoas e feriu várias outras dentro da igreja Notre Dame da cidade francesa de Nice nesta quinta-feira, 13 dias depois que o professor francês Samuel Paty foi morto em Paris. O prefeito da cidade, Christian Estrosi, tuitou que “tudo sugere” que foi um ataque terrorista.

EUA: Os futuros dos índices de ações dos EUA sobem nas negociações da manhã desta quinta-feira, após o pior dia para o mercado em meses.

O movimento nos futuros ocorre após uma forte liquidação durante a sessão de quarta-feira. O Dow perdeu 934 pontos, ou 3,43%, seu quarto dia negativo consecutivo e a pior perda desde 11 de junho. O S&P 500 também registrou seu pior pregão desde 11 de junho, caindo 3,53% em sua terceira sessão negativa consecutiva.

O Nasdaq Composite sofreu uma perda um pouco maior, de 3,73%, depois de avançar modestamente na sessão anterior, marcando seu pior desempenho desde 8 de setembro.

A liquidação refletiu um dia difícil para os mercados europeus, com o aumento dos casos da Covid naquele continente estimulando os líderes da Alemanha e da França a anunciar novas restrições econômicas para o próximo mês. Novos casos também tem aumentado nos EUA, com o ex-chefe da Food and Drug Administration, Dr. Scott Gottlieb, dizendo que os Estados Unidos estavam três ou quatro semanas atrás da Europa.

Um analista disse que acha que a retração provavelmente seria uma oportunidade de compra porque algumas das ações que se beneficiariam de uma recuperação econômica, como finanças, materiais e pequenas empresas sofreram perdas menores do que o mercado mais amplo e que ele estava observando a média móvel de 200 dias em cerca de 3.130 pontos no S&P 500, que está cerca de 4,3% abaixo fechamento da quarta-feira e que testar esse nível “seria um retrocesso natural que provavelmente ocorrerá, seja catalisado pela eleição ou coronavírus ou negociações comerciais sino-americanas ou qualquer outra coisa.

A temporada de resultados corporativos segue nesta quinta-feira. Moderna, Yum Brands, Comcast e CNBC, estão programadas para apresentar seu relatório antes do sino de fechamento.

A tarde as maiores empresas de tecnologia do mundo, incluindo Amazon, Apple, Facebook e Alphabet, controladora do Google, também divulgarão seus números. Juntas, essas empresas tem uma capitalização de mercado de mais de US $ 5 trilhões.

Muitas empresas estão divulgano lucros piores do que o esperado, consequentemente as ações inicialmente sobem e depois caem.

As ações do Facebook e do Twitter, que também relatam seus resultados nesta quinta-feira, subiram no “after market” depois que o Pinterest, relataram forte crescimento na receita e de usuários ativos mensais. As ações do Pinterest dispararam 28% mais no pregão após o expediente.

Quinta-feira também apresentará uma leitura preliminar do produto interno bruto dos EUA para o terceiro trimestre às 9h30. Economistas esperam crescimento de 32% em base anualizada, mas mesmo esse salto histórico deixaria a economia bem abaixo de onde estava antes da pandemia de Covid-19 e há sinais de que o ritmo de recuperação desacelerou nos últimos meses.

No mesmo horário sairá os pedidos de seguro-desemprego, enquanto às 11h00 sairá as vendas pendentes de casas

ÍNDICES FUTUROS – 7h30:
Dow: +0,52%
SP500: +0,66%
NASDAQ: +0,98%

OBSERVAÇÃO: Este material é um trabalho voluntário, resultado da compilação de dados divulgados em diversos sites da internet que são aqui resumidos de maneira didática para facilitar e agilizar a compreensão do leitor. O texto da sessão asiática está no tempo passado e a europeia no presente devido ao horário em que este relatório é redigido. Atentem-se para o horário de disponibilização dos dados.

Gratuito - Quero ver a lista de criptomoedas - clique no banner

Deixe um comentário

Seu Histórico Recente