Investidores mantém euforismo e tentam cravar o terceiro dia consecutivo de alta

LinkedIn

ÁSIA: As bolsas asiáticas fecharam sem direção nesta quarta-feira, com as ações de tecnologia na região sendo monitoradas após quedas no setor em Wall Street.

As ações de empresas chinesas de tecnologia listadas em Hong Kong foram as mais atingidas na quarta-feira depois que a Administração Estatal de Regulamentação do Mercado da China anunciou na terça-feira um conjunto de diretrizes que visam coibir o comportamento monopolista em plataformas da internet. As ações das gigantes chinesas de tecnologia Alibaba e Tencent listadas em Hong Kong despencaram 9,8% e 7,39%, respectivamente. JD.com caiu 9,2%, enquanto Meituan deslizou 9,67%. O índice Hang Seng de Hong Kong caiu 0,28%, enquanto índice Hang Seng Tech caiu 6,23%.

Na China Continental, o dia também foi de baixas. O composto de Xangai caiu 0,53%, enquanto o Shenzhen Component caiu 1,95%.

Em outras partes da região, conglomerado Softbank Group caiu 2,47% no Japão, mas na Coreia do Sul, a Samsung Electronics, peso-pesado da indústria, viu suas ações subirem 1,83%. O Nikkei e Topix do Japão subiram 1,78% e 1,66%, respectivamente, enquanto o Kospi da Coreia do Sul subiu 1,35%.

Na Austrália, o S & P / ASX 200 subiu 1,72%, fechando em 6.449,70 pontos. Entre as mineradoras, BHP subiu 2,3%, Rio Tinto avançou 1,8%, enquanto Fortescue Metals fechou em queda de 1,9%. Entre as empresas exploradoras de petróleo, Santos disparou 6% e Woodside Petroleum somou 6,4%.

O índice MSCI a Ásia-Pacífico, exceto Japão, fechou ligeiramente acima da linha de abertura.

As viagens de lazer sem quarentena entre Hong Kong e Cingapura começarão em 22 de novembro. As ações das principais companhias aéreas que podem se beneficiar com a mudança fecharam misturadas. Cathay Pacific listada em Hong Kong subiu 1,4% no dia, enquanto Singapore Airlines recuou 0,26% em Cingapura. Ambas as companhias aéreas subiram cerca de 14% na terça-feira.

EUROPA: As bolsas europeias registram modestos ganhos na manhã de quarta-feira, com as esperanças de uma vacina contra o coronavírus após o anúncio da Pfizer e da BioNTech de que sua vacina era mais de 90% eficaz na prevenção contra o Covid-19.

O pan-europeu Stoxx 600 sobe 0,35% nas primeiras negociações, tentando confirmar a terceira alta consecutiva. Concessionárias de serviços lideram a alta, enquanto os bancos caem após recuperação do setor no início da semana.

O alemão DAX 30 sobe 0,50%, enquanto o francês CAC 40 sobe 0,44%. O IBEX 35 da Espanha e o FTSE MIB da Itália avançam 0,14% e 0,38%, respectivamente.

Em Londres, o FTSE 100 sobe 0,53%. Entre as mineradoras listada na LSE, Anglo American sobe 1,3%, Antofagasta avança 0,4%, BHP adiciona 0,9%, enquanto Rio Tinto recua 0,2%. Entre as empresas de petróleo, BP sobe 2,1% e Royal Dutch Shell avança 1,3%.

EUA: Os futuros dos índices de ações dos EUA avançam na manhã desta quarta-feira.

Na terça-feira, o Dow Jones Industrial Average subiu 262 pontos, ou alta de 0,90%. O índice Russell 2000 também teve um desempenho superior, ganhando 1,75%. Alimentando o rali estão as esperanças de um retorno à atividade econômica normal com uma vacina eficaz contra Covid-19.

O S&P 500 caiu 0,14% e o Nasdaq Composite, de alta tecnologia, recuou 1,37%, com Microsoft, Amazon, Facebook e Alphabet fechando no vermelho.

Após o anúncio da Pfizer e da BioNTech de que sua vacina Covid-19 teria mais de 90% de eficácia, os investidores estão preferindo trocar as ações de tecnologia por ações que dependem de uma economia em recuperação.

A droga da Eli Lilly usado anticorpos foi liberado pela Food and Drug Administration para uso emergencial na noite de segunda-feira. A agência disse que a droga pode ser usada para tratar casos leves a moderados de Covid-19 em pacientes com mais de 12 anos de idade.

Tanto o Dow como o S&P 500 chegaram a atingir recordes intradiários na segunda-feira. O Dow subiu cerca de 4% nesta semana.

O setor de energia subiu 17% na semana, com os preços do petróleo aumentando na esperança de uma demanda aquecida. O setor financeiro subiu cerca de 9% desde segunda-feira.

As notícias da vacina e do medicamento com anticorpos chegam enquanto os Estados Unidos mais uma vez superam o recorde do dia anterior de novas infecções diárias por Covid-19, em uma média de sete dias, enquanto também cruzam o marco desolador de mais de 10 milhões de casos em todo o país na segunda-feira. A média de sete dias de novos casos diários na segunda-feira foi de 108.964, um aumento de 37% em relação à semana anterior, de acordo com uma análise da CNBC de dados da Universidade Johns Hopkins.

Hoje é feriado de Veterans Day nos EUA e não está prevista a divulgação de nenhum dado econômico, mas o mercado futuro e de ações estarão abertos.

ÍNDICES FUTUROS – 7h05:
Dow: +0,67%
SP500: +0,69%
NASDAQ: +1,03%

COMMODITIES
MinFe Dailan: +0,96%
Brent: +2,22%
WTI: +3,24%
OBSERVAÇÃO: Este material é um trabalho voluntário, resultado da compilação de dados divulgados em diversos sites da internet que são aqui resumidos de maneira didática para facilitar e agilizar a compreensão do leitor. O texto da sessão asiática está no tempo passado e a europeia no presente devido ao horário em que este relatório é redigido. Atentem-se para o horário de disponibilização dos dados.

Deixe um comentário