ADVFN Logo ADVFN

Não encontramos resultados para:
Verifique se escreveu corretamente ou tente ampliar sua busca.

Tendências Agora

Rankings

Parece que você não está logado.
Clique no botão abaixo para fazer login e ver seu histórico recente.

Hot Features

Registration Strip Icon for tools Aumente o nível de sua negociação com nossas ferramentas poderosas e insights em tempo real, tudo em um só lugar.

JBS USA cobrirá custos de saúde de seus colaboradores diagnosticados com coronavírus

LinkedIn

JBS USA pagará todos os custos de saúde de seus funcionários que tenham plano de saúde e forem diagnosticados com coronavírus (Covid-19) ou outra doença relacionada ao novo vírus.

O comunicado foi divulgado pela empresa (BOV:JBSS3) nesta sexta-feira (20). A mudança é retroativa a 1º de março e abrange também os familiares inscritos no plano de saúde como dependentes, afirmou a JBS.

Vale lembrar que a companhia que opera no processamento de carnes foi multada em meados de setembro pelo Departamento do Trabalho dos Estados Unidos por não proteger seus funcionários da exposição ao coronavírus. A Administração de Segurança e Saúde Ocupacional (OSHA), ligada ao órgão, propôs uma multa de US$ 15.615,00 à empresa, na ocasião.

A Administração de Segurança e Saúde Ocupacional citou a JBS, que opera como Swift Beef Company, por violar uma cláusula de dever geral ao não fornecer um local de trabalho livre de riscos que podem causar morte ou danos graves aos funcionários da companhia.

A JBS recebeu a pena máxima permitida por lei por violar esta cláusula. Além disso, segundo a OSHA, a companhia não forneceu a um representante autorizado dos funcionários os registros de lesões e doenças em tempo hábil depois da inspeção feita pela organização em maio deste ano. “Os empregadores precisam tomar as medidas adequadas para proteger seus trabalhadores do coronavírus”, disse a diretora da OSHA, Amanda Kupper, em nota.

No entanto, a companhia alegou, na época, que era “totalmente sem mérito” a citação do Departamento de Trabalho dos Estados Unidos à empresa por não proteger seus funcionários da exposição ao vírus.

A empresa tem fortalecido suas defesas contra a pandemia depois que a infecções se espalharam amplamente por frigoríficos na primavera [nos EUA], deixando milhares de trabalhadores doentes, matando dezenas e levando a falta de produtos nos supermercados.

Lucro líquido de R$ 3,1 bilhões, maior faturamento trimestral da história

JBS reportou o maior faturamento trimestral da história, com lucro líquido de R$ 3,1 bilhões, quase nove vezes o resultado do trimestre de 2019, quando a empresa divulgou R$ 356 milhões.

A JBS afirmou que a divisão brasileira de alimentos processados Seara viu o Ebitda ajustado subir 55,4%, enquanto as operações com carne suína e de frango nos Estados Unidos registraram saltos de 64,7% e 48,9%, respectivamente, apoiadas na desvalorização do real ante o dólar.

Deixe um comentário