InterCement interrompe IPO em decorrência da atual conjuntura de mercado desfavorável à realização da oferta

LinkedIn

A InterCement comunicou a interrupção do pedido de registro de oferta pública de distribuição secundária de ações ordinárias, nominativas, escriturais e sem valor nominal de emissão da companhia em decorrência da atual conjuntura de mercado desfavorável à realização da oferta.

A companhia fixaria o preço por ação hoje, mas com a pressão de investidores a reduzir a faixa de preço, principalmente depois que a CBA topou o desconto na véspera, avaliou que não justificaria manter a oferta no múltiplo que o mercado estava disposto a pagar neste momento.

O pedido de desconto veio principalmente dos investidores locais no book, enquanto os estrangeiros mantiveram suas reservas dentro da faixa, mas não cobririam sozinhos a operação, segundo fontes.

A oferta da InterCement seria somente secundária e de volume bem maior, entre R$ 2,7 bilhões a R$ 5,1 bilhões conforme os preços da faixa indicativa e a alocação dos lotes – o que tiraria um naco relevante do acionista controlador no caso de desconto.

O capital seria usado para reduzir o endividamento da holding, que pode recorrer a outras formas de capitalização ou aguardar outro momento para vir a mercado.

Segundo investidores, a companhia sinalizou discordar de um preço menor considerando que o mercado de cimento no Brasil está em bom momento, com demanda crescente, e que há oportunidades de consolidação e expansão no curto prazo.

A ação estava sendo coordeda pelos bancos Bradesco BBI, Bank of America, Itaú BBA, J.P. Morgan e UBS-BB. A faixa indicativa era de R$ 18,20 a R$ 25,50.

Todos os pedidos de reserva serão cancelados e as instituições consorciadas autorizadas a operar na B3, contratadas para realizar esforços de colocação das Ações exclusivamente junto aos investidores não institucionais, que tenham recebido os correspondentes pedidos de reserva, comunicarão aos respectivos investidores a interrupção da Oferta.

Deixe um comentário