Lojas Renner lança conta digital integrada aos produtos e serviços já oferecidos pela varejista

LinkedIn

A Realize, braço financeiro da Lojas Renner, lançou uma nova conta digital. A conta será integrada aos produtos e serviços financeiros já oferecidos pela companhia –como cartões, crédito de curto prazo e seguros– e deve chegar a todos os clientes da empresa até o final do ano.

Segundo o diretor da Realize, Gustavo Maniero, o lançamento da nova conta digital tem o objetivo de ampliar a fidelização de clientes e elevar o tíquete médio das vendas. Primeiro, a conta será disponibilizada para consumidores das bandeiras Renner, Ashua, Youcom e Camicado e, depois, liberada para as pessoas que ainda não são clientes da companhia.

A expectativa é que o novo produto também seja oferecido para não clientes e que amplie seu portfólio de produtos e serviços financeiros.

“Queremos ser uma alternativa aos bancos de varejo. Já temos o cartão, os empréstimos, os seguros e assistências e os produtos de investimentos. Estamos estudando ampliar o portfólio que temos, exatamente com o objetivo de atender cada vez mais as necessidades dos nossos clientes”, afirmou Maniero.

A nova conta digital também será integrada ao Pix, sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central. Segundo os executivos, a opção pelo sistema como primeira funcionalidade deve-se à rápida aceitação do sistema pela população.

Inicialmente, o serviço só poderá ser acessado pelo aplicativo da Renner (BOV:LREN3).

A estimativa é que ao longo dos próximos meses a conta digital tenha um aplicativo próprio e ganhe funcionalidades adicionais, como benefícios exclusivos e programas de fidelidade, e a expectativa é que seja o principal meio de pagamento da Lojas Renner.

O potencial de adesão do novo serviço considera os 5,5 milhões de cartões ativos da companhia.

“Já estamos testando várias funcionalidades e testando produtos para serem adequados à conta digital. Teremos serviços especiais de beleza, saúde mental, pet e demais serviços e produtos que o cliente vai demandando. Já temos cerca de 20 milhões de acessos mensais digitais no aplicativo e a tendência é aumentar esse número ainda mais”, disse o diretor de produtos e serviços financeiros, Sandro Almeida.

Ainda segundo os executivos, a tendência é que o consumo nas lojas também seja cada vez mais digital.

“Hoje temos cada vez mais dentro das lojas um serviço de autoatendimento, onde o cliente pode fazer compras sem precisar de suporte. Ele finaliza a compra por meio do aplicativo e só faz a liberação das mercadorias, com a retirada dos alarmes”, disse Maniero.

“Criamos uma experiência totalmente fluida e a conta digital vem para facilitar todo o processo de compra no varejo. Estamos caminhando cada vez mais para uma trajetória feita completamente por aproximação e devemos agregar cada vez mais serviços e produtos a essa experiencia”, completou.

As quatro redes de lojas (Renner, Ashua, Youcom e Camicado) somam mais de 600 pontos de venda físicos, cerca de 25 mil colaboradores, mais de 200 parceiros em programas de benefícios e canais digitais.

A Lojas Renner pretende divulgar os resultados do 2T21 no dia 05 de agosto.

Lojas Renner (LREN3): prejuízo líquido de R$ 147,7 milhões no 1T21, revertendo lucro

A varejista Lojas Renner registrou prejuízo líquido de R$ 147,7 milhões no primeiro de 2021, depois do lucro líquido de R$ 7,1 milhões no mesmo período do ano passado.

receita operacional líquida das vendas de mercadoria foi de R$ 1,4 bilhão no trimestre, queda de 12,0% quando comparado ao mesmo período de 2020.

ebitda – lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização – ajustado total no trimestre, que inclui a operação de varejo e produtos financeiros e exclui arrendamentos, foi de R$ 31,8 milhões, queda de 85,5% em base anual. Já o ebtida da operação de varejo ajustado anotou resultado negativo de R$ 171,3 milhões, uma queda acentuada de 303,0%, na mesma base de comparação.

Informações Folha de S. Paulo

Deixe um comentário