Mc Donald's relatou lucro líquido de US$ 2,22 bilhões no 2T21 e supera nível pré-pandêmico

LinkedIn

O McDonald’s (NYSE:MCD) informou na quarta-feira (28) que o Crispy Chicken Sandwich da rede ajudou as vendas nos EUA a ultrapassar os níveis de 2019 em dois dígitos.

As ações da empresa caíram -0,95% no pré-mercado.

O Mc Donald’s também é negociado na B3 através da BDR (BOV:MCDC34), a um último preço de R$ 63,83 reais.

Aqui está o que a empresa relatou em comparação com o que Wall Street esperava, com base em uma pesquisa com analistas da Refinitiv:

  • Lucro por ação: US$ 2,37 ajustados contra US$ 2,11 esperados
  • Receita: US$ 5,89 bilhões contra US$ 5,6 bilhões esperados

A gigante de fast-food relatou lucro líquido fiscal de US$ 2,22 bilhões no segundo trimestre, ou US$ 2,95 por ação, ante US$ 483,8 milhões, ou 65 centavos por ação, um ano antes.

Excluindo os ganhos estratégicos e os benefícios do imposto de renda no Reino Unido, o McDonald’s ganhou US$ 2,37 por ação, superando os US$ 2,11 por ação esperados por analistas consultados pela Refinitiv.

A receita líquida aumentou 57%, para US$ 5,89 bilhões, superando as expectativas de US$ 5,6 bilhões. As vendas globais aumentaram 40,5% em relação ao ano anterior e 6,9% em uma base de dois anos.

As vendas nos EUA aumentaram 25,9% no trimestre e 14,9% em uma base de dois anos. A empresa creditou as fortes vendas de seu novo sanduíche de frango, lançado em fevereiro, e sua promoção de “pedidos famosos” com o grupo K-pop BTS, que inclui um pedido de McNuggets e molhos especiais.

Fora dos Estados Unidos, o McDonald’s tem visto uma forte recuperação em muitas regiões. Seu segmento de mercados operados internacionais, que inclui o Reino Unido e a França, relatou um crescimento de vendas de 75,1% em comparação com o ano anterior, ou 2,6% em uma base de dois anos. O McDonald’s disse que a flexibilização das restrições e menos fechamentos temporários ajudaram as vendas para esse segmento.

No segmento de mercados licenciados de desenvolvimento internacional, as vendas ficaram praticamente estáveis ​​em uma base de dois anos. A divisão, que inclui Brasil e Japão, teve vendas positivas nas lojas em todas as suas regiões em comparação com o ano anterior.

Nos seis principais mercados do McDonald’s, a empresa relatou cerca de US$ 8 bilhões em vendas digitais em todo o sistema durante a primeira metade do ano. Enquanto a rede de fast-food busca manter as vendas digitais que ganhou durante a pandemia, ela lançou um programa de fidelidade nos Estados Unidos no início de julho. Até agora, mais de 12 milhões de consumidores aderiram ao programa.

A empresa também elevou sua previsão para o ano inteiro.

Deixe um comentário