Yduqs (YDUQ3): lucro líquido de R$ 72,8 milhões, queda de 35,2%

LinkedIn

A Yduqs registrou lucro líquido de R$ 72,8 milhões no terceiro trimestre deste ano, queda de 35,2% ante o montante informado no mesmo período de 2020. A companhia afirma que o resultado reflete o resultado financeiro negativo de R$ 103,1 milhões, piora de 18,6%, em razão do aumento da inflação e da taxa de juros.

Ajustando-se por leis e liminares na Justiça, o lucro líquido ajustado da empresa apresenta uma queda de 24,9%, para 146,2 milhões. A piora no resultado financeiro (menos 16,7%) foi um dos principais fatores para o resultado.

Nos nove primeiros meses do ano, entretanto, a companhia registrou um aumento de 15,8% do lucro líquido, para R$ 232,5 milhões.

Houve também impacto de R$ 25,9 milhões do Imposto de Renda e contribuição social, “em função da alíquota virada em 2020 devido aos ajustes de adição dos efeitos do IFRS16 de período anterior no cálculo do lucro de exploração”, de acordo com o relatório trimestral.

O lucro líquido também foi impactado por efeitos não recorrentes e por efeitos não-recorrentes e não-caixa. De janeiro a setembro, somou R$ 70,1 milhões referentes ao ágio das aquisições e benfeitorias de bens de terceiros relacionados com os imóveis devolvidos e a devolver.

A receita líquida avançou 12,5%, ultrapassando a barreira do R$ 1 bilhão, para R$ 1,098 bilhão. Pelos mesmos critérios do lucro líquido ajustado, a receita líquida ajustada acabou sendo afetada para um acréscimo menor, de 6%, chegando a R$ 1,106 bilhão.

ebitda – lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização – somou R$ 361,3 milhões entre julho e setembro, alta de 8,8% ante o mesmo intervalo do ano passado. A margem Ebitda recuou 1,1 ponto percentual no comparativo trimestral, para 34%.

O grupo registrou alta de 18% na composição de custos e despesas, atingindo R$ 932,5 milhões.

O Capex total totalizou R$ 325,5 milhões, um aumento de 20,8% em relação aos nove primeiros meses de 2020, representando 9,7% da receita líquida total. Esse aumento está relacionado principalmente pelo aumento significativo de 62,7% a/a nos investimentos em transformação digital e tecnologia de informação, seguindo com os esforços da companhia em oferecer serviços educacionais cada vez mais modernos e inovadores, que nos nove primeiros meses de 2021 já representa 44% do Capex total.

dívida líquida da Yduqs fechou setembro em R$ 3,413 bilhões, um aumento de 22,7% na comparação com o mesmo mês do ano passado. A alavancagem da companhia, medida pela relação dívida líquida/Ebitda ajustado, foi de 1,4 vez este ano, ante 1 vez no mesmo período do ano passado.

resultado financeiro foi negativo em R$ 103,1 milhões entre julho e setembro, uma piora de 18,6% em relação ao mesmo período do ano passado.

As despesas comerciais apresentaram um aumento de 5,7%, resultado das recentes aquisições. Excluindo-se o efeito das aquisições, as despesas comerciais teriam apresentado uma redução de 1,2% em relação aos nove primeiros meses de 2020.

No acumulado do ano, o ticket médio presencial registrou crescimento de 10% ano a ano, com taxa de renovação de 83% no trimestre. O ticket médio do segmento digital teve queda de 1% nos primeiros nove meses do ano e taxa de renovação de 78% no trimestre. No segmento premium, o ticket médio aumentou 12% no acumulado. A taxa de renovação atingiu 96% no trimestre.

Os resultados da Yduqs (BOV:YDUQ3) referente suas operações do terceiro trimestre de 2021 foram divulgados no dia 09/11/2021. Confira o Press Release completo!

VISÃO DO MERCADO

Itaú BBA

O Itaú BBA espera reação neutra das ações Yduqs aos resultados. Isso porque, segundo o banco, os número vieram em linha com o esperado.

Itaú BBA mantém recomendação market perform e preço-alvo de R$ 45,00.

Morgan Stanley

O Morgan Stanley comentou que a Yduqs tem um balanço forte, com alavancagem relativamente baixa (1,4x dívida líquda/Ebitda ajustado), o que posiciona a empresa para considerar formas alternativas de gerar valor, como amortização de dívidas, dividendos, recompra de ações e M&A.

O banco destaca que a Yduqs está fortalecendo seu ecossistema, investindo em TI e transformação digital para melhorar a qualidade e a experiência.

Morgan mantém recomendação overweight com preço-alvo de R$ 38,00…

XP Investimentos

A XP avalia que os resultados da Yduqs vieram mistos, mas reforça recomendação de compra para os papéis. Isso porque a corretora vê a empresa sendo negociada a um múltiplo P/L de 10,1x para 2022, contra média de 12,8x nos últimos 36 meses.

* Com informações da ADVFN, RI das empresas, Valor, Infomoney, Estadão, Reuters

Deixe um comentário